- Publicidade -

TSMC está produzindo 150 mil wafers de 5 nanômetros mensalmente para atender demanda do mercado

Queda no desempenho da Samsung e bons resultados da parceria com a AMD ajudam a explicar a procura pela fundição
Créditos: Divulgação/TSMC

Principal fundição do mundo, a Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC) aumentou sua produção de wafers de silício de 5 nanômetros para conseguir atender à grande demanda global de fabricantes. Segundo a DigiTimes, a empresa está produzindo pelo menos 150 mil wafers mensais naquele que é considerado seu método de fabricação mais sofisticado até o momento.

Fontes consultadas pelo site afirmam que, além de tentar atender os pedidos feitos por seus clientes, a TSMC incrementou sua produção como forma de aproveitar uma oportunidade de mercado. A publicação afirma que, diante dos relatos de que a concorrente Samsung está tendo problemas com suas linhas de produção, a fabricante taiwanesa quer atrair algumas das fabricantes prejudicadas pela situação.

Atualmente, a TSMC e a Samsung são os dois principais nomes do mundo da fundição, sendo que a companhia taiwanesa tomou a liderança do mercado pela confiabilidade de suas entregas. A companhia também se mostrou capaz de entregar novas tecnologias com ritmo frequente, e já prepara para o final de 2022 o início da produção massiva de chips de 3 nanômetros.

TSMC aumentou produção em 25%

Segundo os relatos da DigiTimes, a TSMC aumentou em 25% a produção de seu processo de 5 nanômetros, que antes estava na casa dos 120 mil wafers mensais. Rumores também apontam que o aumento da fabricação pode estar ligado à AMD, que teria decidido iniciar ainda em abril a produção de novos processadores da linha Zen 4

A fundição também está recebendo grande interesse em seus nódulos de 4 nanômetros por parte de empresas como a NVIDIA, que teria pagado uma quantidade generosa para garantir remessas. Quem também demonstrou interesse na tecnologia é a Qualcomm, cliente tradicional da Samsung, que se viu forçada a procurar por alternativas no mercado diante dos rendimentos dos wafers da fabricante — quanto menores eles são, maiores são os preços a se pagar pelos semicondutores que passam pelos testes de qualidade.

- Continua após a publicidade -

A imagem pública da TSMC também pode ter contribuído para o aumento de sua demanda: fontes ouvidas pelo DigiTimes atribuem o bom momento da AMD à parceria que ela tem com a fundição. A previsão é que o processo de 3 nanômetros da empresa também seja bastante disputado e que as primeiras levas, identificadas como N3B, rendam de 40 mil a 50 mil wafers de silício mensais.
 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: WCCFTech Fonte: DigiTimes
Assuntos
Tags
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

- Publicidade -

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.