Google suspende vendas do Google Glass - empresa pretende repensar o vestível

Nesta semana a Google anunciou que as vendas para o público do Google Glass nos Estados Unidos serão suspensas a partir do dia 19 de janeiro. O protótipo do vestível  estava sendo comercializado pelo programa Explorer, por US$1,5 mil.Depois do dia 19, os protótipos do Google Glass só poderão ser vendidos para empresas e desenvolvedoras. Apesar da suspensão de vendas, o projeto não vai morrer e a empresa vai repensar alguns conceitos para novas versões do gadget.

O projeto do óculos inteligente do Google ganhará uma nova divisão, liderada por Tony Fadell, CEO da Nest Labs, que já tem experiência no desenvolvimento de aparelhos inteligentes para o lar e é conhecido por ser co-criador do iPod. A nova equipe vai continuar desenvolvendo o dispositivo, criando novas versões e aplicações para o gadget.

Desde antes mesmo de ser revelado, em 2012, até agora, o Google Glass estava sendo mantido e desenvolvido nos laboratórios da divisão Google X, que é focada em ideias experimentais e tecnologias do futuro, como o Projeto Loon. Com uma divisão e equipe focadas no desenvolvimento do projeto e um líder de renome como Tony Fadell, possivelmente o Google Glass vai para frente.


Conhecido por ser um dos criadores do iPod, Tony Fadell vai liderar o Projeto Glass

{via}Neowin|http://www.neowin.net/news/google-glass-sales-suspended{/via}

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.