- Publicidade -

Radeon RX 6500 XT em PCIe 3.0: vai DAR RUIM no gameplay?

Testamos a nova placa de entrada da AMD com a limitação no PCIe
Por Diego Kerber 22/01/2022 19:16 | atualizado 22/01/2022 19:17 Comentários Reportar erro

A AMD Radeon RX 6500 XT é a mais nova adição ao line-up de placas RDNA 2, introduzindo o chip mais modesto com a nova microarquitetura. Com um total de 16 Unidades Computacionais, essa placa chega para se tornar uma opção frente a rivais como a GeForce GTX 1650 no segmento de placas de vídeo de entrada, que atualmente está bastante desabastecido de novidades faz anos.

Porém, como já explicamos na análise, a placa sofreu uma restrição muito severa na conexão PCI Express, com apenas 4 pistas. Isso limita em muito a capacidade da placa de vídeo de trocar dados com o restante dos sistema, especialmente se a bancada for baseada em um PCI Express 3.0. O que é uma séria possibilidade, já que as bancadas com suporte a PCIe 4.0 são bem restritas:

- Em AMD: a partir de processadores Ryzen série 3000 e mainboards série 500
- Em Intel: a partir da 11ª geração Intel Core e chipset 500

Para quem não cumpre esses requisitos, a situação complica bastante. Limitados ao PCIe 3.0, temos uma redução sensível na largura de banda. Cada pista PCIe 4.0 entrega até 2GB/s, totalizando 8GB/s em uma configuração PCIe 4.0 x4. O PCIe 3.0 tem metade da performance por pista, entregado 1GB/s em cada lane e fazendo com que a RX 6500 XT tenha que operar com apenas 4GB/s de transferência se ligada em um sistema baseado em PCIe 3.0.

Para ver na prática, rodamos o benchmark do 3DMark focado em velocidade do PCIe. Colocamos no comparativo a Radeon RX 6500 XT operando em PCIe 4.0 e PCIe 3.0, e também comparamos com o desempenho da GeForce GTX 1650 GDDR6, uma placa de entrada de 2019 da rival Nvidia e que traz x16 em PCIe 3.0.

- Continua após a publicidade -

O resultado é uma diferença gigantesca em performance, e que se torna ainda mais sério por conta de outra limitação da placa, a quantidade de VRAM. Com apenas 4GB, isso significa que não há grandes quantidades de memória para alocar dados, logo o sistema acaba precisando carregar novas texturas com frequência. E é aí que os apenas 3,5GB/s estrangulam esse modelo.

Para ver na prática como essa limitação pode impactar negativamente no gameplay, montamos uma boa bancada mas, ao mesmo tempo, com essa limitação no PCIe 3.0. Usamos:

- AMD Ryzen 7 3800X
- Watercooler NZXT Kraken Z53
- 2x16GB HyperX Fury @3200MHz CL16
- Gigabyte X470 AORUS Gaming 7 WIFI
- Gigabyte Radeon RX 6500 XT Eagle
- Cooler Master V1200 Platinum
- Gabinete Thermaltake Core P3

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

- Publicidade -

Mais vídeos










O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.