Nokia demite 3.500 funcionários e fecha fábrica

A Nokia  anunciou a demissão de 3.500 de seus funcionÁrios nesta quinta-feira (29/09), sendo que 2.200 deles trabalhavam em uma fÁbrica na Romênia, que também serÁ desativada. Os outros 1.300 empregados trabalhavam no Navetq, maior sistema de mapeamento digital do mundo.


O CEO da empresa, Stephen Elop, afirmou que estas medidas fazem parte do plano de reduzir os custos da empresa em 1 bilhão de euros, além da redução de 4 mil postos de trabalho até 2012. A Nokia jÁ terceirizou, em março, a equipe de suporte ao Symbian, somando um total de 3 mil funcionÁrios. O suporte ao antigo sistema operacional da empresa fica agora por conta da Accenture, para onde estes funcionÁrios foram remanejados.

A Nokia é a maior empresa da Área de celulares do mundo, em volume de vendas, porém vem perdendo espaço no mercado de smartphones. A principal causa, segundo especialistas, é a desvantagem do sistema Symbian, comparado aos concorrentes iOS e Android, além da demora para trazer aparelhos com um novo sistema. A Nokia abandonou o MeeGo, que vinha desenvolvendo com a Intel, e fez em março um acordo com a Microsoft para a produção de aparelhos com o Windows Phone 7. O primeiro Nokia com WP7 deve ser lançado entre o final deste ano e o começo de 2012.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que foi pior? O Athlon 3000G com RTX 3080 ou o Ryzen 9 5900X com GeForce GT 1030?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.