Futurecom 2011: Estrutura da banda larga móvel precisa crescer 11 vezes até 2015

A Nokia Siemens Networks apresentou novos dados sobre a situação das redes móveis 3G e 4G no Brasil, atualizando o estudo publicado em 2008. Seguindo a previsão da própria empresa,  o ritmo de crescimento do trÁfego se manteve em 80% a 90 % ao ano desde a pesquisa anterior, sendo que até o final do ano o número de usuÁrio da rede 3G deve chegar a 39 milhões. Pelas estimativas da empresa, os investimentos em banda larga crescerão 250% até 2015, enquanto o número de usuÁrios crescerÁ 140%.


Rajeev Suri, CEO da Nokia Siemens Network, apresentou uma keynote durante a Futurecom 2011

Durante a keynote na Futurecom 2011, o CEO da Nokia Siemens Networks, Rajeev Suri, alertou para a necessidade de uma preparação da rede para o aumento da demanda, sendo que para comportar este crescimento de usuÁrios, serÁ preciso aumentar a infraestutura da rede em 11 vezes, para comportar os 95 milhões de usuÁrios estimados para 2015, que utilizarão os serviços móveis em redes de banda larga, 3G e LTE.

Além do aumento da infraestrutra, o CEO da Nokia Siemens sugeriu uma nova abordagem para o trÁfego de dados. Para Suri, a rede deve se adaptar as demandas, otimizando a estrutura nos pontos onde hÁ picos de trÁfego e evitando que parte da banda seja menos aproveitada.

Suri também destacou o crescimento da banda larga no país, porém considerou que ainda hÁ muito a ser feito. Segundo um ranking de qualidade das conexões em diversos países, com dados levantados pela Nokia Siemens, o Brasil ficou a frente de China e Índia, porém ainda estÁ atrÁs de outros países da própria América Latina ou países dos BRICS (grupo de países em desenvolvimento, que inclui Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.