Polícia prende mais suspeitos de integrar o LulzSec e o Anonymous

E as prisões de supostos membros do LulzSec e do Anonymous continuam. Após a detenção e posterior liberação do "porta-voz" do LulzSec, conhecido como Topiary, a Scotland Yard começou mais uma investigação, que culminou na captura de outros dois homens, de 24 e 20 anos, suspeitos de participar dos ataques.

Um porta-voz da polícia confirmou ao The Guardian que as detenções foram feitas separadamente, uma em Yorkshire e outra em Wiltshire, na Inglaterra. Os computadores foram confiscados para investigação forense.



Para Mark Raymond, inspetor da central da unidade de crimes eletrônicos da polícia metropolitana, as detenções "estão relacionadas às investigações a respeito de diversas invasões sérias a computadores e ataques de negação de serviço sofridos por numerosas companhias multinacionais, instituições públicas e governamentais e agências policiais na Grã-Bretanha e nos Estados Unidos."

O inspetor ainda garante que a polícia "estÁ trabalhando para detectar e apresentar perante os órgãos jurisdicionais os responsÁveis por essas ofensivas, para romper esses grupos e impedir que outros pensem em participar desse tipo de atividade criminosa."

Em uma outra investigação separada, mais dois suspeitos foram detidos suspeitos de colaborar com o Anonymous. Todos eles irão se apresentar ao tribunal de Westminter no dia 7 de setembro.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.