Pesquisadores criam bateria transparente

JÁ existem equipamentos eletrônicos semitransparentes, como porta-retratos digitais e telefones com teclados translúcidos. Agora, gadgets "invisíveis" podem virar realidade em um futuro próximo graças a pesquisadores da Universidade de Stanford.

Eles conseguiram desenvolver uma bateria que engana nossos olhos para parecer transparente utilizando o mÁximo de materiais translúcidos que puderam, alem de miniaturizar o que é opaco.



Certos componentes-chave nas baterias não podem ser fabricados com transparência, então, a solução encontrada pela equipe liderada Yi Cui foi utilizar partes tão minúsculas que o olho humano não consegue enxergar. "Se algo é menor do que 50 micrômetros, seus olhos verão como algo transparente", explica Yuan Yang, estudante que participou do projeto. Isso porque a visão comum consegue detectar, no mínimo, objetos entre 50 e 100 micrômetros.



A estrutura da bateria é feita com um polímero transparente semelhante ao utilizado em lentes de contato e circuitos eletrônicos flexíveis. Ao invés dos eletrodos tradicionais, os cientistas criaram sobre essa base, fina o suficiente para não se tornar opaca, trilhas de 35 micrômetros cobertas por um filme metÁlico por evaporação, formando uma camada condutora. Para preencher os espaços e criar uma malha, os estudiosos inseriram uma solução com nanopartículas de materiais com eletrodos ativos.

O líder da pesquisa não hesitou em mostrar entusiasmo. "Ficou muito legal", afirmou. "Quero falar com Steve Jobs sobre isso. Quero um iPhone transparente!". Para isso, porém, eles ainda vão precisar aperfeiçoar a invenção, que ainda tem apenas metade da capacidade de armazenamento de energia de uma bateria de lítio convencional.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual você acha melhor?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.