Ultrabooks da Asus e Acer custarão mais de US$1 mil

Os Ultrabooks surgem como uma aposta da Intel em resposta aos tablets, prometendo notebooks mais leves, finos e com alta performance. Mas tem um aspecto que pesa contra a novidade: o preço.

O plano inicial da Intel, como conta o Slashgear, era de fazer parcerias com fabricantes para lançar os equipamentos a preços inferiores a US$1 mil. Mas para atender aos requisitos de velocidade e performance, os ultrabooks deverão sair mais caros.



Uma fonte ligada à Asus, por exemplo, afirmou que a única forma de chegar a um preço inferior a US$1 mil seria utilizar o processador Intel Core i3. Em contrapartida, os modelos equipados com Core i5 e i7 custarão entre US$1 mil e US$2 mil.

O ultrabook da Acer também deverÁ contrariar as expectativas, como reporta o Notebook Italia. O portÁtil serÁ lançado no último trimestre, com a capacidade de dar o boot em seis segundos e ligar-se à rede em dois segundos e meio. O preço a se pagar por isso, como tudo indica, também não serÁ inferior aos US$1 mil.

O Samsung 9 Series, que estamos analisando para publicar uma review em breve, custa por volta de US$1.500. JÁ a HP, que deve lançar seu ultrabook antes das Asus e da Acer, ainda não revelou nenhuma estimativa sobre o preço.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual você acha melhor?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.