Kinect é acusado de infringir patentes e rende processo contra a Microsoft

A empresa americana Impulse Technology processou a Microsoft acusando-a de infringir sete patentes no Kinect, o periférico com sensor de movimentos para o XBox 360.

A patente da Impulse descreve um "sistema e método para rastrear e avaliar habilidades de movimento em espaço multidimensional". Segundo a empresa, esse registro cobre "uma grande variedade de jogos nos quais o movimento do jogador é detectado em três dimensões".



A companhia ainda afirma que suas patentes incluem "certos games de exercício que rastreiam os movimentos do jogador para afetar o movimento de um avatar virtual, e o esforço do usuÁrio é monitorado, incluindo quando o rastreamento é feito com o uso de uma câmera."

Como se não bastasse processar a Microsoft, a Impulse ainda colocou vÁrias produtoras de jogos no rolo, incluindo a EA, Sega e Konami. Todas são acusadas de produzir, vender e importar jogos que infringem as patentes.

A empresa quer cobertura dos danos e custos com pagamento de juros, além de cobrar os honorÁrios advocatícios. A Microsoft estÁ analisando o caso e se recusou a comentar maiores detalhes.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual vai ser o melhor game lançado em maio de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.