Findada a compra da Icera, NVIDIA poderá colocar modem dentro do Tegra

A NVIDIA Corp. anunciou nesta segunda-feira ter finalizada a compra de US$ 364 milhões da fabricante de modems wireless 3G/4G para smartphones e tablets, a Icera.

Com o fim dos trâmites legais e burocrÁticos, a Icera passa a se tornar uma subsidiÁria da NVIDIA, passando, contudo, a operar com a marca original Icera.

"Este é um passo significativo na estratégia da NVIDIA para ser a empresa de processadores pós era PC. Com o tempo, essa transação vai dar-nos uma plataforma móvel mais completa e totalmente otimizada, abrindo portas imediatamente para o mercado de processadores de maior crescimento em termos de massa crítica, trazendo ainda uma equipe cheia de talento para o nosso time", disse Phil Carmack, vice-presidente sênior da unidade de negócios móveis da NVIDIA.

Com a compra da Icera, a NVIDIA oferece agora os dois principais processadores utilizados no segmento dos smartphones - o de aplicações gerais, com o Tegra - e de banda base, com o chip da Icera.
De acordo com Jen-Hsun Huang, CEO da NVIDIA, a sua companhia irÁ inicialmente oferecer as soluções separadamente, ou seja, vendendo chips Tegra e da Icera. Contudo, o executivo informou que estÁ considerando seriamente na hipótese de integrar o processador base band nas futuras gerações do chip SoC Tegra.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.