Nintendo está despreocupada com a concorrência do PS Vita

Em entrevista ao portal Gamasutra, o diretor sênior de comunicações corporativas da Nintendo of America, Charlie Scibetta, disse que não tem planos de mudar as estratégias do mercado de videogames portÁteis com o 3DS mesmo com o recente anúncio do Playstation Vita, o novo sistema de bolso da Sony.

"Não temos motivos para fazer isso. Nós certamente não mudaríamos nossa estratégia e nosso comportamento baseado no que um competidor estÁ fazendo. Nós vamos é continuar a inovar e a encorajar as third parties em aproveitar as capacidades do 3DS e aproveitar suas vantagens", disse Scibetta.

Quando questionado sobre se preço do 3DS (US$ 249) ser muito alto para o público casual que inundou o portÁtil anterior, o executivo disse que o diferencial estaria nos jogos disponíveis. "Eu acho que se você der motivos suficientes às pessoas para comprarem, elas eventualmente irão. Nós não ligamos muito sobre a viabilidade a longo prazo da plataforma", completou.

- Continua após a publicidade -

O Nintendo 3DS foi lançado em fevereiro de 2011.

Assuntos
Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.