Amazon se prepara para começar operações no Brasil

O Brasil deve ganhar uma loja da Amazon entre o final do ano e o início de 2012, inicialmente focada na venda de seu e-reader Kindle e de livros eletrônicos em parceria com editoras brasileiras. De acordo com a Veja, a companhia jÁ estÁ negociando a conversão de títulos nacionais em e-books, mas deve ampliar sua atuação também para outros segmentos.

"A Amazon é uma empresa muito grande. Por isso, é improvÁvel que venha para o Brasil só para vender livros", declarou à publicação o vice-coordenador do Centro de Tecnologia e Sociedade da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Carlos Affonso Souza.


Para Souza, a chegada da Amazon ao Brasil vai estimular o comércio virtual no país. Ele lembra que, jÁ em 2005, a firma tentou na Justiça, sem sucesso, obter o controle do domínio amazon.com.br, que pertence a uma empresa brasileira de soluções de TI chamada Amazon Corporation.

A companhia confirma que tem "planos para o Brasil", mas não revela maiores detalhes. Mas uma coisa é certa: se embarcar por aqui, serÁ uma forte concorrente às lojas da rede B2W, como Submarino, Americanas e Shoptime. "A chegada da Amazon no país indicarÁ um caminho inevitÁvel e sem volta: ela terÁ de se expandir para outros negócios", declarou à Veja Karine Pansa, presidente da Câmara Brasileira do Livro.

A Amazon, que surgiu nos Estados Unidos em 1995, jÁ tem escritórios em outros países, como Grã-Bretanha, Alemanha, França, China, CanadÁ, Japão e ItÁlia. Por aqui, além de atuar no segmento de e-books, a Amazon também deve investir por na estratégia da venda por terceiros. Com isso, fornecedores e pequenas lojas poderão utilizar a varejista como um canal de distribuição para seus produtos mediante o pagamento de uma comissão.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.