Congresso norte-americano impõe questionamentos à Sony sobre PSN

A Sony não estÁ nos melhores dias ultimamente. Além da insatisfação de mais de 50 milhões de jogadores ao redor do globo, roubo de dados de cartões de créditos de usuÁrios por hackers, a empresa agora estÁ sendo questionada pelo Congresso dos Estados Unidos a respeito do andamento dos serviços da Playstation Network, a rede online do Playstation 3 e do PSP.



O congresso enviou uma carta à Sony, com pedido de resposta até o dia 6 de maio (sexta-feira), para requerer explicações consideradas por eles simples e bÁsicas, algo que uma empresa do porte da Sony precisa fornecer para prestar contas com seus clientes (os jogadores).

Entre as indagações, o congresso questiona se a Sony jÁ tem alguma ideia da identidade do hacker que invadiu a PSN e fez a empresa desativÁ-la sem perspectivas de retorno. Ainda, pede para saber exatamente quando o ataque aconteceu e quando decidiu abrir a boca sobre o caso ao solicitar investigação mundial através da lei.

Ainda, a Sony ainda estÁ sendo pressionada para ser mais clara quanto ao roubo de dados de cartões de crédito de quase 25 milhões de usuÁrios.

Até o momento, a Sony não se pronunciou diretamente ao congresso, mas vai cooperar assim que as investigações internas cessarem. "A Sony estÁ cooperando com o pedido do comitê sobre respostas e iremos liberÁ-las até a data limite de entrega", disse Patrick Seybold, da Sony Computer Entertainment America.

Assuntos
Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

A Activision acertou ao colocar músicas do Charlie Brown Jr. no Tony Hawk's 1+2

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.