Sony alerta que mais 24,6 milhões de contas tiveram dados roubados

A Sony anunciou que foi vítima de mais um ataque após aquele que levou a empresa a desativar a PlayStation Network. O CEO da companhia, Howard Stringer, tem sido vítima de severas críticas após a revelação de que mais 25 mihões de contas podem ter tido informações roubadas após um segundo ataque.

Desta vez, as vítimas foram os usuÁrios da rede de jogos para PC Sony Online Entertainment, que foi invadida em 18 de abril. A Sony só descobriu o ataque ontem, mas jÁ tirou o serviço do ar.

A invasão pode ter dado acesso a 10.700 registros direto de débitos de consumidores da Alemanha, Austria, Holanda e Espanha, além de 12.700 números de cartões de crédito ou de débito.

O anúncio do novo ataque veio um dia depois da empresa anunciar um plano de compensação para os usuÁrios afetados pela falha de segurança na PSN, bem como medidas para evitar novos ataques.

- Continua após a publicidade -

O ataque revelado ontem foi realizado um dia depois da invasão à PSN, que levou ao roubo de dados de mais de 77 milhões de contas de usuÁrios. A empresa estima que dados como nomes, endereços, e-mails, datas de nascimento, números de telefone e outras informações sobre mais de 24,6 milhões de contas podem ter sido roubadas de seus servidores, assim como um banco de dados desatualizado, de 2007.

O porta-voz da Sony, Sue Tanaka, disse que a empresa não sabe se mais dados podem estar em risco. "Eles são hackers. Nós não sabemos onde eles vão atacar em seguida," disse.

O novo incidente também levou a empresa a fechar seus jogos da Sony Online Entertainment no Facebook. Não ficou claro, porém, se dados dos usuÁrios deste serviço foram expostos.

A Sony negou em seu blog oficial que os hackers tenham tentado vender uma lista com milhões de números de cartões de crédito, como se especulava em alguns sites.

Assuntos
Tags
  • Redator: Alexandre Lunelli

    Alexandre Lunelli

    Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Alexandre é um entusiasta da fotografia, música, e demais áreas que não cansem muito. Fã da comunidade opensource, e sonha com um mundo mais bonito, igualitário e sem o trabalho, mal que corrompe a humanidade.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.