Cibecriminosos desviam US$20 milhões para contas na China

O FBI descobriu 20 golpes online contra pequenas e médias empresas e instituições públicas dos Estados Unidos, que em um período de 12 meses tiveram suas contas bancÁrias roubadas por cibercriminosos que desviaram US$20 milhões de dólares para a China.

As transferências ocorrem após a obtenção das credenciais de login e dos dados bancÁrios das vítimas através de phishing e de malwares, representados principalmente pelo Zeus (ligado a uma botnet que jÁ causou prejuízos de US$1 milhão no Reino Unido) e o Spybot.


Cada transferência varia entre US$50 mil e US$985 mil, embora, em alguns casos, cheguem a ultrapassar US$1 milhão. De acordo com o FBI, as quantias são transferidas primeiro para um banco em Nova York, que funciona como intermediÁrio. Depois, o dinheiro é depositado na conta de empresas chinesas registradas como legítimas.

O FBI não sabe, porém, se essas contas são o destino final da quantia ou se são transferidas novamente. Também não se sabe o motivo que leva essas companhias a aceitarem os fundos não autorizados.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.