Nokia cortará 4 mil empregos

A Nolkia comunicou hoje uma ampla reestruturação interna que culminarÁ no corte de 4 mil funcionÁrios em todo o mundo.

A redução, que deverÁ ser finalizada até o final do próximo ano, terÁ maior impacto nas unidades da Finlândia, Dinamarca e Reino Unido.

De acordo com o comunicado, dos 4 mil empregos afetados, 3 mil são de cargos ligados ao Symbian. Para minimizar a ação, a Nokia informou ter fechado um acordo de parceria com a Accenture, onde irÁ transferir todas as suas atividades do sistema operacional, incluindo cerca de 3.000 funcionÁrios. Como retorno, a Accenture fornecerÁ serviços de software de mobilidade à gigante finlandesa para futuros smartphones.

- Continua após a publicidade -

Vale ressaltar que até 31 de março de 2011, a Nokia emprega um total de 130.951 pessoas (das quais 5.642 trabalham na NAVTEQ, e 66.229 empregadas pela Nokia Siemens Networks).

Todos os trabalhadores afetados pelo plano de redução podem optar por permanecer na folha de pagamento da Nokia até o final do ano. A empresa diz que o corte a ocorrerÁ em fases, com conclusão para o final de 2012.

A Nokia pretende ainda reduzir seus gastos com as operações de Dispositivos & Serviços em cerca de 1 bilhão de euros para o ano 2013, em comparação com o ano de 2010.

A reestruturação da companhia estÁ relacionada com o seu atual desempenho no segmento da telefonia móvel, perdendo fatia de mercado trimestre a trimestre para as suas concorrentes (Apple iPhone e smarts com Android), além da recente parceria firmada com a Microsoft, que culminarÁ no fornecimento do Windows Phone 7 em condições especiais aos aparelhos da Nokia.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

É melhor ter o xCloud capado no iOS ou ficar sem o serviço nos iPhones?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.