PSP vende mais que o 3DS no Japão

A Nintendo comemorou o lançamento do 3DS, afirmando que as vendas no primeiro dia foram superiores às de qualquer outro portÁtil da história da companhia. Mas os dias seguintes não foram assim tão bons.

Nesta semana, o rival PSP, da Sony, vendeu mais unidades do que o lançamento da Nintendo. Foram 58.075 consoles vendidos, contra 42.979 da concorrente, segundo dados divulgados pela Media Create e reproduzidos pela GamePro.



Enquanto o 3DS sofreu uma queda de oito mil vendas, o PSP foi na direção contrÁria e vendeu cerca de sete mil unidades a mais em relação à semana anterior. O GamePro atribui essa alavancada do PSP ao lançamento de "Amagami", um simulador de namoro, que atingiu a marca das 69.221 unidades comercializadas.

Ainda Segundo a GamePro, o PSP é um portÁtil consolidado hÁ tempos no oriente, com títulos que agradam muito aos japoneses, como "Monster Hunter" e a franquia "Final Fantasy". Por outro lado, o 3DS traz uma nova tecnologia que ainda é vista com desconfiança por algumas pessoas.

A própria Nintendo admitiu, em um comunicado emitido em dezembro, que o recurso 3D do novo portÁtil pode impactar o desenvolvimento dos olhos das crianças e desencorajou o uso por menores de seis anos. Além disso, os primeiros compradores do aparelho estão relatando alguns problemas de funcionamento, como uma tela de erro que aparece aleatoriamente no meio da jogatina.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual você acha melhor?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.