- Publicidade -

Concorrendo com AMD e Intel, Prodigy traz 128 núcleos, 5.7GHz e 16 canais DDR5

Processador universal da Tachyum ainda promete executar funções de CPU, GPU e TPU no mesmo chip
Créditos: Tachyum/Reprodução

A Tachyum, fabricante de computação de alta performance (HPC), está lançando no mercado um processador para servidores e data centers com especificações para competir com AMD e Intel. O Prodigy traz 128 núcleos, 5.7GHz de clock e 16 canais de memórias DDR5. Além disso, a empresa afirma que o Prodigy é o "primeiro processador universal do mundo".

Capaz de, em um mesmo chipset, executar tarefas de CPU, GPU e TPU (Tensor Processing Unit) dependendo da necessidade, o Prodigy foi batizado como 'processador universal'. Ele chega ao mercado de servidores e datacenters para competir com as melhores e mais recentes soluções de hardware da Nvidia e Intel, como a GPU H100 da Nvidia e também com Instinct M1210 da AMD.

Performance e TDP de peso

A linha irá apresentar 8 modelos com configurações diferentes, com a versão top de linha sendo o T16128-AIX, com 128 núcleos, 5.7GHz e 16 canais de memórias DDR5. A empresa afirma que o Prodigy possui performance 4 vezes maior do que um Intel Xeon 8380 e 3 vezes acima do AMD 7763HPC. De acordo com dados da fabricante, a versão top de linha T16128-AIX oferece até 90TFLOps de poder de processamento, podendo ser alocado em racks de até 4 processadores. 

A litografia é de 5nm da TSMC com até 32TB de RAM DDR5-7200 em 16 canais e 64 pistas PCle 5.0. Devido as configurações de peso o Prodigy também apresenta um consumo de energia considerável: TDP de 950W. Apesar disso, como o módulo apresenta uma 'função universal' o alto consumo de energia ainda seria uma vantagem em relação a combinação de CPUs e GPUs necessárias para data centers.

- Continua após a publicidade -

Processador universal

A fabricante também informou que os chips serão capazes de traduzir códigos de outras arquiteturas, além da nativa da Tachyum, como x86, ARM e RISC-V. Como podemos perceber, a intenção realmente é termos um 'processador universal'. 

Para conseguir a tradução e leitura em diferentes arquiteturas, o chipset apresenta suporte para cálculos n0os formatos FP64, FP32, TF32, BF16, INT8, FP8 e TAI, além de ser compatível com processos para agilizar o processamento de dados de matrizes para IA, como 'Scatter' e 'Gatter'.

Até o momento, não há informações se o desempenho em arquiteturas como x86 afetará o desempenho da linha Prodigy, mas de qualquer forma é uma solução interessante. Por se tratar de um produto destinado a servidores e datacenters, a Tachyum não revelou os preços oficiais da linha Prodigy, No cronograma apresentado pela empresa, a linha será lançada a partir da segunda metade de 2022, com planos de lançar a 2ª geração com mais núcleos e litografia de 3nm na segunda metade de 2024.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Tweaktown, Tachyum, Wccftech
Tags
  • Redator: Luiz Schmidt

    Luiz Schmidt

    Estudante de jornalismo na UFSC e Escritor. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Autor do livro Histórias de Amor Talvez Estranhas.

- Publicidade -

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.