Surgem mais pistas da chegada de uma fábrica Apple ao Brasil

Os rumores sobre a instalação de uma fÁbrica da Apple por aqui estão ficando mais quentes. Duas importantes publicações de economia do país soltaram algumas informações que, inclusive, dão como certa a chegada de uma linha de montagem da companhia no estado de São Paulo.

"A decisão jÁ estÁ tomada", afirma João Dória Jr., em sua coluna na IstoÉ Dinheiro. De acordo com o empresÁrio, a Apple vai produzir iPads em São Paulo e, por enquanto, a empresa busca uma cidade para montar sua operação.


A fÁbrica, conforme o colunista, serÁ a única da companhia na América Latina. "O anúncio de local e o investimento serão divulgados em abril, pela Apple, numa audiência com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin", completa.

O Valor Online também aposta na chegada de uma fÁbrica da Apple no Brasil. Conforme a publicação, o governo federal estÁ tentando viabilizar o negócio. "Um fonte do alto escalão do PalÁcio do Planalto disse ao Valor que o governo estuda algumas sugestões para que o plano se concretize", diz o site. A montagem dos equipamentos, assim como ocorre em outros países, ficaria a cargo de uma companhia terceirizada.

No mês passado, surgiram rumores de que a Foxconn, firma chinesa especializada em manufatura de eletrônicos que fabrica peças para a Apple, teria encomendado estudos para estabelecer uma nova linha de montagem em Jundiaí, em São Paulo. A ideia era passar a produzir equipamentos com a marca da maçã. Até mesmo o bilionÁrio Eike Batista jÁ cogitou a possibilidade de trazer uma fÁbrica Apple para o Brasil, mas, até agora, nada foi confirmado. 

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.