Créditos: Divulgação/CD Projekt RED
- Publicidade -

The Witcher 3 para PS5 e Xbox Series X|S não passa por problemas, garante CD Projekt RED

A empresa sequer quer falar sobre adiamentos quando se trata do upgrade
Por Felipe Gugelmin 15/04/2022 08:00 | atualizado 15/04/2022 14:30 Comentários Reportar erro

Em um comunicado emitido na última quarta-feira (13), a CD Projekt RED confirmou que estava assumindo as rédeas do desenvolvimento das versões PS5 e Xbox Series X|S de The Witcher 3: Wild Hunt. Ao mesmo tempo, a empresa havia afirmado que os upgrades prometidos — que incluem a adoção do Ray Tracing — agora estavam sem data para chegar, o que fez muitos acreditarem que o processo de desenvolvimento estava passando por problemas.

Em uma conferência realizada com acionistas, o vice-presidente sênior de desenvolvimento de negócios do estúdio, Michal Nowakowski, disse que esse não é o caso. Segundo ele, a criação da versão de nova geração do jogo simplesmente foi movida para os estúdios internos da companhia, o que não foi feito necessariamente porque ela estava andando mal.

Eu quero esclarecer que esse não é um fato. Houve muitas insinuações de que vamos lançar em, digamos, junho do ano que vem ou coisa assim. Esse completamente não é o caso”, afirmou Nowakowski. Segundo ele, a CD Projekt RED simplesmente vai finalizar o processo e precisa de tempo para avaliar o que precisa ser feito antes de divulgar uma data.

CD Projekt RED não fala sobre atrasos

Ninguém está dizendo que o jogo foi adiado com alguma espécie de espaço de tempo monumental diante de nós. Isso é tudo o que eu posso dizer sobre o Witcher de nova geração, mas realmente quero enfatizar esse fato”, completou o executivo. A posição foi seguida pelo CEO Adam Kicinski, que sugeriu que não falta muito trabalho para que o jogo receba os upgrades prometidos.

Segundo ele, aproximadamente 50 desenvolvedores da CD Projekt RED vão ser redirecionados para finalizar o processo de desenvolvimento. Kicinski também garantiu que isso não vai influenciar nos esforços de criação de outros jogos da companhia, como o novo The Witcher ou Cyberpunk 2077 e suas expansões.

- Continua após a publicidade -

Antes de passar para as mãos da desenvolvedora, a adaptação de The Witcher 3: Wild Hunt para PlayStation 5 e Xbox Series X|S estava nas mãos da Saber Interactive, que desenvolveu a versão Switch do jogo. Algo que não foi mencionado pelas empresas é o fato de que, embora tenha sede nos Estados Unidos, a desenvolvedora concentra seus principais estúdios nas cidades de Kiev (Ucrânia) e São Peterbusgo (Rússia) — e a postura da CD Projekt RED sobre a guerra entre os países.

A nova versão do game lançado em 2015 ainda não tem data para chegar, mas promete trazer gráficos atualizados, suporte a Ray Tracing e taxas de quadro por segundo maiores. Além de ser oferecido como um upgrade gratuito para quem já tem o jogo no PS4, Xbox One ou PC, o lançamento também deve ganhar uma nova versão digital e em caixinha.
 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: PC Gamer
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

- Publicidade -

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.