Microsoft usa terremoto no Japão para promover o Bing

A Microsoft bem que tentou ser solidÁria com as vítimas do terremoto de 8,9 graus de magnitude que atingiu o Japão na última sexta-feira (11/03), mas utilizou uma jogada de marketing que não foi nem um pouco bem vista pelos seguidores da companhia no Twitter.

Na conta do Bing, a empresa se ofereceu para ajudar financeiramente as vítimas do desastre. No entanto, a proposta era um pouquinho diferente: a Microsoft iria doar US$1 para cada retweet dado pelos seus seguidores, sendo que o valor mÁximo não ultrapassaria os US$100 mil.



Seis horas depois, a gigante de Redmond viu-se obrigada a pedir desculpas no microblog, após os seus seguidores reclamarem que a empresa estava tirando vantagem do terremoto para promover seu mecanismo de busca.

"Nós nos desculpamos por nossa mensagem ter sido percebida de forma negativa. Nossa intenção era oferecer um meio fÁcil para as pessoas ajudarem o Japão. Nós doamos os US$100 mil", declarou a empresa.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual vai ser o melhor game lançado em maio de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.