Créditos: Reprodução/GameSpot
- Publicidade -

Chefe do Xbox está ansioso para dar nova vida a franquias dormentes da Activison Blizzard

Phil Spencer afirma estar impressionado com o grande catálogo de títulos da publicadora
Por Felipe Gugelmin 21/01/2022 10:21 | atualizado 21/01/2022 10:21 Comentários Reportar erro

Embora seja conhecida principalmente como “a empresa de Call of Duty”, a Activision Blizzard tem em seu catálogo uma quantidade generosa de franquias de sucesso. Entre elas estão nomes como Crash Bandicoot, Spyro The Dragon, Guitar Hero e nomes mais antigos, como Gabriel Knight e HeXen — e o chefe dos estúdios Xbox, Phil Spencer, está ansioso para revivê-las assim que possível.

Em uma entrevista concedida ao The Washington Post, Spencer afirmou que a grande quantidade de propriedades intelectuais (IPs) da publicadora foi um dos motivadores que levaram à aquisição da Microsoft. “Eu estava vendo a lista de IPS, quero dizer, vamos lá!”, declarou o executivo.

King’s Quest, Guitar Hero... Eu deveria saber disso, mas eles têm HeXen”, continuou o chefe da divisão Xbox. Enquanto as declarações do executivo não servem como garantia de que novos capítulos dessas séries serão criados, elas demonstram a disposição para que a Activision Blizzard seja redirecionada a produzir uma variedade maior de títulos.

Microsoft pode aproveitar melhor os estúdios da Activision Blizzard

Na mesma entrevista, Spencer afirmou que pretende se reunir com as lideranças de cada estúdio da Activision Blizzard para decidir em qual projeto eles devem trabalhar. “Esperamos que conseguiremos trabalhar com eles assim que fecharmos o acordo para garantir que temos os recursos para trabalhar em franquias que amo desde minha infância, e que os times realmente querem usar”, explicou.

- Continua após a publicidade -

O executivo também afirmou que está ansioso para ter essas conversas, e que tudo se trata de garantir que os estúdios possuem os recursos necessários para aumentar suas capacidades. Vale notar que esse processo ainda depende da aprovação da compra da Activision Blizzard por órgãos regulatórios, em um processo que só deve ser finalizado em 2023.

Caso a Microsoft decida aproveitar mais propriedades intelectuais da publicadora, os projetos podem ficar tanto à cargo de estúdios como o Toys For Bob e a Raven Software quanto de outros membros da extensa seleção do Xbox Game Studios. Atualmente a Activision Blizzard direciona todos seus estúdios internos para o suporte à série Call of Duty, que pode deixar de ser anual como resultado da mega aquisição.
 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: The Washington Post
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

- Publicidade -

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.