Créditos: Divulgação/NVIDIA

NVIDIA anuncia DLDSR, solução que não depende de implementação via software

A tecnologia usa os Tensor Cores da linha RTX para aprimorar o downscale de jogos sem perdas de desempenho
Por Felipe Gugelmin 11/01/2022 14:02 | atualizado 11/01/2022 17:44 Comentários Reportar erro

A NVIDIA anunciou nesta terça-feira (11) que sua nova versão dos drivers GeForce Game Ready vai trazer uma nova solução de downscale que não depende de implementação via software. Com lançamento previsto para a próxima sexta-feira (14), a solução foi batizada pela empresa com o nome Deep Learning Dynamic Super Resolution (DLDSR) e trabalha de forma oposta e complementar a soluções como o DLSS e a tecnologia Radeon Super Resolution (RSR) da AMD, ao pegar imagens em alta resolução e diminui-las de forma adaptada ao monitor do jogador.

Segundo a empresa, a nova solução é uma evolução da Dynamic Super Resolution (DSR) que ganha recursos aprimorados graças a técnicas de inteligência artificial aliados aos Tensor Cores da linha RTX. Isso significa que, ao menos a princípio, o recurso não deve chegar a dispositivos mais antigos pertencentes às linhas GTX.

A NVIDIA descreve o DLDSR como uma técnica que “renderiza o jogo em uma resolução mais alta e detalhada, antes de encolher o resultado de forma inteligente para a resolução de seu monitor”. A empresa promete que o resultado final traz uma maior quantidade de detalhes e bordas mais suaves, sem que isso implique em uma perda de desempenho.

DLDSR promete desempenho aprimorado

Para demonstrar o funcionamento da nova tecnologia, a NVIDIA divulgou uma imagem relacionada ao game Prey, da Bethesda. Nela, a empresa mostra que o uso do DSR em 4X para fazer upscale em 4K resulta em uma perda de desempenho em relação à execução do jogo em 1080p nativos (108 FPS conta 145 FPS, respectivamente).

Ela afirma que, ao usar o sistema DLDSR, o usuário consegue fazer o upscale de 2.25X para a resolução 1620p (2880x1620 pixels) e obter o mesmo resultado de qualidade de imagem, sem que isso implique em uma queda de desempenho, que se mantém nos 144 FPS. Segundo a empresa, o método independe de implementação via software e pode ser usado em qualquer game compatível com a linha GeForce RTX.

- Continua após a publicidade -

Junto ao anúncio, a NVIDIA também divulgou que está trabalhando com os criadores do filtro ReShade para trazer novos filtros customizados ao GeForce Experience. Eles devem implementar recursos de Ray Tracing, oclusão de ambiente e profundidade de campo dinâmica, que poderão ser ligados ou desligados livremente pelos jogadores.

A próxima versão do driver GeForce Game Ready também deve trazer otimizações para as versões PC de God of War, Monster Hunter Rise, The Anacrusis e Rainbow Six Extraction, bem como para os conteúdos do segundo ano de Hitman III. A empresa também promete suporte adicional a oito novos monitores compatíveis com o G-Sync.
 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: VideoCardz, Guru3D Fonte: NVIDIA
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.