Créditos: Divulgação/Ghost Story Games

Novo estúdio do criador de BioShock sofre com problemas de gerenciamento

Fundada em 2014, a Ghost Story Games está passando por dificuldades graças ao estilo de criação de Ken Levine
Por Felipe Gugelmin 03/01/2022 17:36 | atualizado 03/01/2022 17:36 Comentários Reportar erro

Fundado em 2014 após o fechamento da Irrational Games, a Ghost Story Games foi criada por Ken Levine como uma forma de trabalhar em projetos mais contidos e com equipes mais fáceis de gerenciar. Oito anos depois, a empresa do criador de BioShock sequer está próxima de lançar seu projeto de estreia e sofre com a perda de talentos, incluindo diversos de seus membros fundadores.

Uma reportagem publicada pela Bloomberg mostra que grande parte do problema pode ser encontrada em Levine e em seu estilo de gerenciamento. Segundo Jason Schreier, ex-funcionários da empresa descrevem Levine como uma pessoa difícil de trabalhar e cujas ambições grandiosas não combinavam bem com as características do estúdio.

Financiado pela publicadora Take-Two, a Ghost Story Games começou com aproximadamente 12 funcionários, dos quais mais da metade já deixaram a empresa. Um dos cofundadores da empresa, Mike Snight, afirmou que o objetivo inicial era criar um game se passaria em uma estação espacial habitada por três facções, cujo lançamento estava previsto para 2017.

Estilo autoral de Ken Levine traz desafios

Embora a equipe de desenvolvimento tenha crescido para aproximadamente 30 membros em 2016, questões como um sistema elaborado de diálogos que se transformava conforme as decisões dos jogadores se mostraram desafios grandes demais para o número de funcionários disponíveis. Da mesma forma, o estilo autoral de Levine se mostrou como uma barreira para qualquer progresso, visto que ele tinha o poder de mudar sozinho toda a direção do projeto.

A reportagem da Bloomberg afirma que o estilo de gerenciamento do líder é marcado por decisões que, de uma hora para outra, descartam meses de trabalho de outros membros da equipe. A grande liberdade criativa e o orçamento proporcionado pela Take-Two aumentam o problema, fazendo com que a Ghost Story Games não precise trabalhar com as restrições de tempo e dinheiro que geralmente ajudam a tornar mais realistas os escopos de um processo de desenvolvimento.

- Continua após a publicidade -

A reportagem também afirma que Levine tem o costume de avaliar aspectos do desenvolvimento que ainda não estão finalizados e decidir que eles devem ser descartados ou severamente modificados. “O tipo de jogo que está sendo explorado não combina bem com o processo criativo que está sendo usado”, afirmou Andres Gonzales, um dos fundadores do estúdio que o deixou para criar a companhia Snight.

A matéria também afirma que toda a fama de Levine, que por muito tempo foi considerado como o único autor responsável pelo sucesso de BioShock, faz com que seja . Com isso, a equipe atual da Ghost Story Games duvida da capacidade do estúdio de lançar seu primeiro projeto em questão de pouco tempo, afirmando que ainda serão necessários alguns anos de trabalho para isso acontecer.
 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: Bloomberg
Tags
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.