Créditos: IGN

Blizzard concorda em pagar US$ 18 milhões após processo por discriminação de gênero

Pagamento é parte do acordo da desenvolvedora com órgão americano
Por Raphael Giannotti 28/09/2021 09:26 | atualizado 28/09/2021 09:27 Comentários Reportar erro

Depois de denúncias de assédio sexual, entre outras discriminações, por funcionários da Activision Blizzard e até mesmo perder um executivo da área jurídica, a desenvolvedora irá pagar 18 milhões de dólares para um fundo usado por instituições que promovem igualdade, diversidade e inclusão de mulheres da indústria de games.

As acusações levadas às justiça são da "Comissão de Oportunidades Iguais de Trabalho" (EEOC em inglês), que investiga a Activision Blizzard desde 2018. A desenvolvedora e o órgão americano chegaram a um acordo que implica o pagamento de 18 milhões de dólares "para compensar e fazer as pazes" com as vítimas.

"Peço desculpas a qualquer um que teve que passar por essas experiências de conduta inapropriada e eu continuo inabalável em meu compromisso de fazer a Activision Blizzard um dos ambientes de trabalho mais inclusivo, respeitado e respeitoso do mundo", disse o CEO Robert Kotick em um pronunciamento.

O CEO da Activision Blizzard diz ainda que a empresa "continuará vigilante no compromisso de eliminar todo assédio e discriminação no ambiente de trabalho" e agradece a EEOC pelo trabalho construtivo e se compromete a trabalhar junto ao órgão para "erradicar condutas inapropriadas no ambiente de trabalho".

- Continua após a publicidade -

Em sua defesa, a desenvolvedora nega que houve qualquer assédio, discriminação por gravidez ou qualquer outra discriminação relacionada a alguém. Mesmo negando todas as acusações, a Activision Blizzard concorda com o pagamento do valor de 18 milhões para "evitar disputa". Ainda com o acordo, a corte americana precisa aprovar para dar andamento.

Além do acordo, o estúdio se comprometerá em "melhorar as políticas, práticas e treinamento para prevenir e eliminar assédio e discriminação no ambiente de trabalho", bem como garantir oportunidades iguais. A desenvolvedora anunciou que irá contratar uma consultoria "neutra" para tratar de igualdade nas contratações e será aprovada pela EEOC.

O caso começou no início do ano com as denúncias vindo à tona e a Activision Blizzard foi acusada pelo órgão responsável de atrapalhar as investigações.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: GameSpot
Assuntos
  • Redator: Raphael Giannotti

    Raphael Giannotti

    Entusiasta de JRPG, viveu a era de ouro do gênero nos anos 90. Fã incondicional de Zelda e Final Fantasy, hoje garimpa as bibliotecas de PC em busca de jogos épicos como esses. Enquanto não acha, zera tudo (ou quase) o que vê pela frente. Hobby atual: jogar o máximo de souls-like e metroidvania. Jornalista formado pela UFMA, gamer desde 1991.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.