Hacker rouba 400 bilhões de fichas de pôquer da Zynga

O hacker britânico Ashley Mitchell admitiu ter roubado 400 bilhões de fichas virtuais de pôquer da Zynga, no valor de US$ 12 milhões.

Mitchell invadiu os servidores da empresa em 2009, se fazendo de administrador do site. Ele então transferiu as fichas de pôquer em uma série de contas falsas do Facebook.

Ele vendeu cerca de um terço dos chips para outros usuÁrios por US$ 86.000. Contudo, o preço real das fichas tinha o valor de cerca de US$ 300.000.

Em entrevista ao o jornal local, o promotor do caso, Gareth Evans, disse que, se as fichas tivessem sido vendidas legalmente pela Zynga, o valor da transação seria de US$ 12 milhões.

Ele se declarou culpado de quatro acusações de conversão de propriedade criminal, juntamente com a violar a Lei de Mau Uso do Computador.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.