Wikileaks recebe indicação para o Nobel da Paz

Após muita polêmica, o site WikiLeaks pode ganhar o Nobel da Paz de 2011. Nesta quarta-feira, o parlamentar norueguês Snorre Valen, autor da proposta, anunciou a indicação do site ao prêmio.

Para Valen, o WikiLeaks é "uma das contribuições mais importantes para a liberdade de expressão e transparência" no século XXI.



O parlamentar optou por indicar o próprio site ao prêmio e não seu fundador, Julian Assange. Vale lembrar que o líder do projeto foi detido em dezembro, acusado de estupro por duas suecas. Ele aguarda na Grã-Bretanha a audiência em liberdade, mas corre o risco de ser extraditado para a Suécia ou, até mesmo, de ser condenado à morte.

Valen afirma em seu blog que o WikiLeaks é um candidato natural ao Nobel da Paz por "expor corrupção, crimes de guerra e tortura", além de ter divulgado informações que ajudaram a derrubar uma ditadura de 24 anos na Tunísia.

No entanto, a divulgação pelo WikiLeaks de milhares de documentos secretos e telegramas diplomÁticos das embaixadas americanas não agrada em nada o governo dos Estados Unidos. De acordo com a Reuters, uma premiação do site poderia provocar mais críticas ao Comitê do Nobel, que jÁ causou polêmica ao escolher o ativista chinês pró-democracia Liu Xiaobo e o presidente americano Barack Obama, pouco após sua vitória nas eleições.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual os planos para hardware esse ano?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.