Créditos: WCCFtech

Baidu anuncia Kunlun Core II, chips voltados para IA que concorrerão com NVIDIA A100

A fabricação em massa da segunda geração Kunlun já começou
Por Raphael Giannotti 20/08/2021 16:13 | atualizado 20/08/2021 17:35 Comentários Reportar erro

A Kunlun Chip Technology Company, empresa focada em semicondutores da Baidu, começou a produção em massa de sua próxima geração de chips Kunlun Core II. Estes processadores são usados em aplicações de inteligência artificial. A nova geração será fabricada em 7nm e será até três vezes mais forte que seu antecessor.

A primeira geração de processadores Kunlun, chamado de K200, foi criada para ser tecnologia de ponta em serviços como nuvem e aplicações para veículos autônomos. Os primeiros chips ofereciam desempenho de até 256 INT8 TOPS (trilhões de operações por segundo), cerca de 64 TOPS INT/FP16 e 16 INT/FP32 TOPS consumindo 150 watts.

Já que a Baidu disse que o aumento de desempenho da nova geração de Kunlun Core em relação a primeira chega até três vezes mais, o novo chip poderia entregar (conforme palpite do Tom's Hardware) entre 512 a 768 INT8 TOPS, 128 a 192 INT/FP6 TOPS e 32 a 48 INT/FP32 TOPS. Para efeito de comparação, a GPU A100 da NVIDIA oferece 19.5 FP32 TFLOPS com 624/1248 INT8 TOPS.

- Continua após a publicidade -

Enquanto que comparar desempenho de hardware em plataformas IA não é o mais recomendado, já que muito depende das aplicações usadas, os números dão uma ideia do que a segunda geração de chip Kunlun é capaz de fazer.

A Baidu começou a trabalhar em seus chips Kunlun em 2011, inicialmente conduzindo pesquisas e emulando sua microarquitetura XPU usando FPGA. Em 2018 a empresa criou seu primeiro silicone dedicado usando o processo de fabricação de 14nm da Samsung. Este chip vinha equipado com memórias HBM com pico de 512GB/s em largura de banda.

A Kunlun Chip Technology Company foi avaliada em 2 bilhões de dólares em junho deste ano. A Baidu considera comercializar os seus chips voltados para IA, e não focar em uso centralizado, segundo a Reuters. As gigantes da tecnologia na China estão buscando uma auto-suficiência, ou seja, suprir a demanda do país em tecnologia e parar de depender de empresas como a Qualcomm e a NVIDIA, aponta a Reuters. A Baidu é dona de outra subsidiária no mesmo ramo chamada Honghu.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: Reuters, Tom's Hardware
Assuntos
  • Redator: Raphael Giannotti

    Raphael Giannotti

    Entusiasta de JRPG, viveu a era de ouro do gênero nos anos 90. Fã incondicional de Zelda e Final Fantasy, hoje garimpa as bibliotecas de PC em busca de jogos épicos como esses. Enquanto não acha, zera tudo (ou quase) o que vê pela frente. Hobby atual: jogar o máximo de souls-like e metroidvania. Jornalista formado pela UFMA, gamer desde 1991.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.