Créditos: Valve/Divulgação

Steam Deck vai usar sistema operacional baseado em Arch Linux ao invés de Debian

Valve pretende fazer atualizações e correções de erros mais facilmente com o sistema

No início dessa semana, o site PC Gamer revelou que quando sua equipe foi testar o Steam Deck pela primeira vez para ter as primeiras impressões do dispositivo, foi dito que o novo console ou PC portátil da Valve não teria um sistema baseado em Debian como as versões anteriores do Steam OS, mas seria baseado em Arch LinuxMudança deve facilitar a implementação de frequentes updates do console.

Além de toda a curiosidade sobre como um hardware que conta com um SoC customizado com gráficos integrados RDNA 2, há ainda muitas dúvidas e expectativas acerca da escolha para o sistema operacional do Steam Deck, já que ele não chegará de fábrica com o tradicional Windows 10 da Microsoft

Já sabemos que o console terá um sistema baseado em Linux, mas a mudança entre Debian e Arch pode significar várias diferenças. Debian é uma versão mais antiga de Linux que foca especialmente em estabilidade e praticidade para o usuário, em que ele é apresentado com um sistema com funções básicas que é atualizado só quando se acumulam grandes alterações de compatibilidade para o software. 

AMD e Valve unem forças para melhorar a performance do Linux em jogos

AMD e Valve unem forças para melhorar a performance do Linux em jogos
União sinistra tem como foco o Steam Deck, mas impactará comunidade do Linux

 

Toda essa estabilidade (e talvez até uma certa rigidez) do Debian pode ser uma grande vantagem para quem usa esse sistema em servidores, por exemplo, mas não é o que a Valve está buscando para o Steam Deck. Para isso, eles vão usar o Arch Linux para garantir uma maior capacidade de adaptar o sistema a partir das várias atualizações, que podem ser bem necessárias especialmente no início da vida desse console. 

- Continua após a publicidade -

"Então, Arch Linux, uma das principais razões, existem algumas, mas a principal razão é o lançamento de atualizações do Arch nos permite ter um desenvolvimento mais rápido para o Steam OS 3.0. Estávamos fazendo um monte de updates e mudanças para especificamente garantir que as coisas funcionem bem no Steam Deck, e o Arch acabou sendo a melhor escolha para eles."
- Fala de Lawrence Yang (designer da Valve) para a equipe do PC Gamer

"Então, Arch Linux, uma das principais razões, existem algumas, mas a principal razão é o lançamento de atualizações do Arch nos permite ter um desenvolvimento mais rápido para o Steam OS 3.0. Estávamos fazendo um monte de updates e mudanças para especificamente garantir que as coisas funcionem bem no Steam Deck, e o Arch acabou sendo a melhor escolha para eles."
- Fala de Lawrence Yang (designer da Valve) para a equipe do PC Gamer

Considerando que nem todos os jogos da extensa biblioteca da Steam contam com suporte para Linux, é bem provável que essa escolha também leve a Valve a fazer mudanças significativas no Proton, a camada de compatibilidade implementada em sistemas Linux para rodar games suportados apenas no Windows. 


Imagem: Valve/Divulgação

Tudo isso nos leva a concluir que a Valve precisa fazer um bom trabalho para construir um sistema operacional que seja compatível com a maioria dos jogos de seu catálogo, versátil o suficiente para permitir rápidas atualizações e correções de problemas ao mesmo tempo que seja minimamente estável para a experiência de usuário. Se isso não for alcançado, é bem provável que muitos donos do Steam Deck optarão por simplesmente instalar o Windows 10 e acessar os seus jogos pelo modo Big Picture da Steam. 

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Via: ArsTechinica, PC Gamer
  • Redator: Diego Amorim

    Diego Amorim

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.