Créditos: Take-Two

Take-Two: “Xbox Game Pass não faz sentido para grandes lançamentos”

CEO da empresa criadora da franquia GTA diz que esse modelo só faz sentido para jogos de catálogo

A eterna discussão sobre qual é o melhor modelo de negócio em games para empresas e consumidores ganhou mais uma opinião nesta semana. Desta vez foi o CEO da Take-Two, Strauss Zelnick, que falou o que pensa sobre o modelo do Xbox Game Pass em entrevista à GameSpot.

O executivo questiona se esse modelo por assinatura é, de fato, benéfico para todos os envolvidos, e alerta: “um modelo por subscrição pode fazer sentido para os jogos de catálogo, mas não faz sentido para os principais lançamentos”, explicou.

Ainda segundo ele, as especificidades econômicas dos grandes lançamentos são um empecilho para o modelo por assinatura faça sentido nesse segmento. “Penso que o catálogo faz sentido para as editoras e para os consumidores que estão ávidos pelo acesso a muitos produtos”, destacou.

Viabilidade do modelo do Game Pass vem sendo questionada por executivos

Recentemente Shawn Layden, ex-presidente da Sony Interactive Entertainment, declarou também que modelos como o do PS Now e do Xbox Game Pass não são sustentáveis. Isso porque os valores pagos pelos usuários como mensalidade não são suficientes para cobrir os custos de desenvolvimento de um game AAA.

Zelnick alertou ainda para as diferenças de padrão de consumo em serviços como Netflix e Game Pass para justificar seu ponto de vista.

- Continua após a publicidade -

“Consumidores de um serviço como o Netflix podem consumir até 150 horas de programação por mês, o que corresponde a cerca de 100 títulos. Já no caso do entretenimento interativo, falamos de cerca de 45 horas por mês e não mais do que 4 títulos em média”, explicou.

Apesar de não simpatizar com a ideia, Zelnick não a descarta por completo. “Estamos com a mente aberta. Temos títulos de catálogo em serviços por assinatura e ocasionalmente colocamos grandes lançamentos nesses serviços”, completou.

Um bom exemplo disso é o game GTA V. Na semana em que o título atingiu a marca de 150 milhões de unidades vendidas em todo o mundo, a Take-Two optou por retirá-lo do catálogo do Xbox Game Pass.

Grand Theft Auto V vende 150 milhões de cópias no mundo gerando US$6.4 bilhões

Grand Theft Auto V vende 150 milhões de cópias no mundo gerando US$6.4 bilhões
Jogo receberá versões otimizadas para Playstation 5 e Xbox Series X/S no final desse ano

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: GameSpot
Assuntos
Tags
  • Redator: Wikerson Landim

    Wikerson Landim

    Jornalista desde 2003 e atual Editor dos sites Adrenaline e Mundo Conectado. Em quase duas décadas, foi editor de diversos sites de tecnologia, games e entretenimento, além de produtor de conteúdo para sites corporativos. Nas horas vagas, assume o volante para dirigir caminhões no Euro Truck e em todos os jogos de corrida que surgirem pela frente.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.