Créditos: Reprodução/Konami

Konami encerra a série PES para lançar o free-to-play eFootball

eFootbal é o sucessor da franquia que surgiu em 1995 como Winning Eleven
Por Felipe Freitas 21/07/2021 09:21 | atualizado 21/07/2021 10:22 Comentários Reportar erro

Primeiramente, apertem F para prestar homenagem. F. A Konami anunciou hoje o fim da série Pro Evolution Soccer, o PES, para dar início a era do seu free-to-play eFootball. O jogo será lançado para PCPlaystation 4 e 5 e Xbox One e Series X|S no início do outono do hemisfério norte, nossa primavera. 

A criação (ou seria adaptação?) do eFootball como um free-to-play é uma grande mudança de  estratégia da Konami contra a franquia rival FIFA. É compreensível que a empresa tenha optado por alterar o nome e não batizar um PES free-to-play como "PES eFootball" ou "PES Online". É um novo segmento de mercado em que a Konami está entrando. Agora é um Game as a Service como rival do FIFA e a EA tem um GaaS de concorrente. E claro, o eFootball é um novo jogo, com a mecânica recriada através da engine Unreal, abandonando a engine Fox. Confira o trailer do jogo.

O novo free-to-play teve a participação de Andres Iniesta na captura de movimentos e como assessor da movimentação dos jogadores. Estes mesmos cargos foram ocupado por Gerard Pique, ex-companheiro do Iniesta no Barcelona. A Konami busca deixar o "x1" do futebol mais realista com seu novo jogo e atualização de engine.

O jogo terá partidas não só em cross-play mas também em cross-generations. A tecnologia de cross-play entre PC e consoles não estará disponível logo no lançamento, mas somente chegará em algum momento da primavera. No nosso verão, chegará a oportunidade de jogadores do PES, digo, eFootball dos celulares de participarem das partidas contra PCs e consoles, além de contar com suporte para controle de celular.

- Continua após a publicidade -

Entre os oitos times do lançamento, teremos Corinthians, Flamengo e São Paulo. Barcelona, Bayern de Munique, Juventus, Arsenal e River Plate. Inclusive, somente as partidas locais, de acordo com a Konami, estarão disponíveis no lançamento.

Game as a Service estão cada vez mais lucrativos para as empresas. GTA Online e CoD Warzone são alguns exemplos. Não sou fã de futebol mas acho tanto o FIFA quanto o PES (F) jogos muitos divertidos para jogar com os amigos. Mas nunca fui comprando os jogos novos para me atualizar. Pensava com os meus botões "eu poderia comprar uma vez e só atualizar quando quisesse". Se a Konami se sair muito bem com o eFootball, a EA pode repensar (se é que já não pensava antes) o Fifa como um "free-to-play" também

Aqui gostaria de destacar que eu já vi três papas e três nomes nos jogos de futebol da Konami. Winning Eleven pirata do Brasileirão de 2004, jamais te esquecerei. 

Fonte: Engadget
Tags
  • Redator: Felipe Freitas

    Felipe Freitas

    Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia, adora jogos com histórias bem feitas e de esportes (já que é ruim praticando).

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.