Créditos: Reprodução/Intel

Intel Core i9 Alder Lake tem resultado de benchmark divulgado

Segundo leaker, amostra de qualificação superou o Ryzen 9 5950X no Cinebench R20
Por Felipe Freitas 20/07/2021 18:10 | atualizado 20/07/2021 21:06 Comentários Reportar erro

O leaker One Raichu, com um bom histórico de acerto nos seus vazamentos, divulgou os resultados do benchmark da amostra de qualificação do Intel Core i9 12900K Alder Lake. O processador se saiu melhor que o rival Ryzen 9 5950X nos testes single e multi-thread do Cinebench R20. Entretanto, teve um alto consumo de energia.

De acordo com o leaker, a pontuação do i9 12900K foi 810 no teste single thread. Já no multi o novo Intel Core de 12ª geração marcou 11600 pontos. Esses valores fazem do processador o "recordista" entre as atuais CPUs do mercado, seja Intel ou AMD. Confira abaixo o tweet sobre os resultados. O "S" do "KS" foi um erro digitação, conforme informado pelo próprio OneRaichu.

O site VideoCardz comparou os resultados do Intel Core i9 12900K com os mais recentes testes do seu irmão mais novo e do rival Ryzen 9 5950X divulgado pelo Guru3D. O i9 12900K supera Ryzen 9 por 26% e o i9 11900K por 30% no single-thread. Já no multi-thread, o Intel Core Alder Lake bateu o Ryzen 9 5950X por 11% e o seu antecessor por 96,74%. Confira os valores dos testes do Guru3D


Fonte: Reprodução/Guru3D

- Continua após a publicidade -

Apesar dos resultados, OneRaichu disse que a performance dependerá da carga de trabalho, mas ambos estão bem equilibrados em desempenho. Entretanto, conforme o próprio leaker disse, "não fiquem felizes tão cedo". O consumo de energia do i9 12900K "boostado" pode ultrapassar facilmente 200W. Nos vazamentos das especificações dos CPUs Intel Core, o PL2 foi anunciado como 228W. A pequena Gamora pergunta "o que te custou?". 

Intel Core 12ª Geração

A próxima geração de processadores Intel Core será baseada na tecnologia de 10nm Enhanced SuperFin e com montagem de núcleos híbridos. Essa montagem híbrida faz com que os CPUs tenham uma combinação de núcleos grandes para tarefas mais pesadas e núcleos menores para tarefas mais simples. Assim, há uma economia de energia no uso do processador. Essa será a primeira geração de processadores Intel compatível com memórias DDR5 e PCIe de 5ª geração.

Via: Videocardz Fonte: OneRaichu
  • Redator: Felipe Freitas

    Felipe Freitas

    Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia, adora jogos com histórias bem feitas e de esportes (já que é ruim praticando).

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.