Créditos: Reprodução/Oculus

Facebook compra desenvolvedora de jogo de VR Population:One

BigBox VR, de Seattle, lançou o battle royale em outubro de 2020

Facebook fez mais uma compra de desenvolvedora de jogos de realidade virtual. Dessa vez, Mark Zuckerberg abriu a carteira para comprar a BigBox VR, empresa criadora de um dos jogos de VR mais em alta do momento, o battle royale Population: One

Em sua jornada de investimento no VR, o Facebook comprou a BigBox VR, sediada no estado americano de Washington, que agora fará parte da Oculus Studios, divisão da Oculus responsável pela publicação de jogos e outras atividades relacionadas o tema. A Oculus é a empresa subsidiária do Facebook responsável pelo desenvolvimento do Oculus Quest. Os valores da aquisição não foram divulgados.


Fonte: Reprodução/BigBoxVR

Lançado há apenas 9 meses, Population: One (Pop: One para os íntimos) é um dos maiores sucesso de jogos de realidade virtual da atualidade. Pop: One recebeu o apelido de "Fortnite do VR" devido a sua jogabilidade divertida e humorada que lembram o jogo da Epic Games. No battle royale da BigBox VR, 24 jogadores competem em uma partida.

Um destaque do jogo são as várias estruturas altas no mapa. Todas elas são escaláveis, dando vantagem visual no combate e uma experiência única de realidade virtual. Na Oculus Store o jogo já faturou mais de 10 milhões de dólares.

- Continua após a publicidade -

Facebook já comprou até agora cinco desenvolvedoras de jogos de realidade virtual, todas em menos de dois anos. A primeira compra foi da desenvolvedora Beat Saber em novembro de 2019. Na sequência vieram Sanzaru Games, Ready at Dawn e Downpour Interactive (esta em abril) para o portfólio da Oculus Studios.

Facebook já anunciou que manterá (por enquanto) o Population: One disponível nas outras plataformas de realidade virtual e com atualizações regularmente. A  BigBox VR deverá receber uma boa quantia recursos para produzir novos conteúdos para o jogo por um bom tempo. 

Population: One está disponível na Oculus Store e na Steam.

Fonte: The Verge, VR Focus
  • Redator: Felipe Freitas

    Felipe Freitas

    Felipe Freitas é formado em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mas, segundo quase todo mundo, tem cara de quem fez Sistemas. Começou nos jogos com o SNES do seu tio, nunca passou da parte da montanha em Legend of Legaia, adora jogos com histórias bem feitas e de esportes (já que é ruim praticando).

Os jogos mais aguardados do segundo semestre de 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.