Créditos: EA

Star Wars Jedi: Fallen Order recebe atualização gratuita para Playstation 5 e Xbox Series X|S

Atualização traz melhores texturas, resolução 4K modo de performance, 60fps e tempos de loading aprimorados

Sem causar muito alarde e um pouco de surpresa, a Respawn Entertainment lançou hoje, dia 11, uma atualização de Star Wars Jedi: Fallen Order para os consoles da nova geração Playstation 5 e Xbox Series X|S.

A desenvolvedora já havia lançado uma atualização para aprimorar a performance do jogo por meio de retrocompatibilidade, entretanto a nova atualização traz diversas melhorias aos consoles, e quem já possui uma cópia do jogo pode atualizar o game de graça.

O jogo recebe melhoria em texturas, e tempo de loading aprimorados. A Respawn vai incluir o modo performance, no Playstation 5 e Xbox Series X que permite os jogadores ativarem seu lado Jedi a 1440p e 60fps ou resolução 4K e 30fps. A atualização para o Xbox Series S irá rodar a 1080p e 60 fps, sem modo performance.

Para os jogadores que começaram o Stars Wars Jedi: Fallen Order no Playstation 4 e Xbox One e buscam finalizar a história nos novos consoles, a boa notícia é que os saves podem ser transferidos e todo o progresso, troféus e conquistas são preservados. 


(Créditos: Respawn Entertainment/EA)

- Continua após a publicidade -

O processo de transferência para usuários no Xbox é mais simples: completamente automático. Para quem possui um Playstation 5 é necessário que os dados do save estejam no console, ou seja é necessário baixar o save desejado da nuvem, ou transferir para o console via USB.

Hackers roubam o código fonte de FIFA 21 e engine de Battlefield 2042 da EA

Hackers roubam o código fonte de FIFA 21 e engine de Battlefield 2042 da EA
Quebra de segurança resultou em mais de 780GB de dados de desenvolvimento interno roubados, incluindo a Frostbite engine

Recentemente, a EA, distribuidora de Star Wars Jedi: Fallen Order, foi vítima de uma grande quebra de segurança, que resultou na perda de mais de 780GB de dados de desenvolvimento interno. Os hackers roubaram o código fonte de FIFA 21, incluindo os códigos do servidor de matchmaking, além do código fonte e as ferramentas do Frostbite engine, responsável por jogos como o novo Battlefield 2042.

A EA confirmou o roubo e afirmou que usuários não precisariam se preocupar, pois nenhum dado privado foi vazado. "Nenhum dado de jogador foi acessado, e não temos nenhuma razão para acreditar que a privacidade dos jogadores foi colocada em risco. Após o incidente, já implementamos melhorias na segurança e não esperamos qualquer impacto nos nossos jogos ou companhia. Estamos trabalhando com os órgãos de justiça para concluir a investigação criminal".

Fonte: Engadget, Neowin
Tags
  • Redator: Luiz Schmidt

    Luiz Schmidt

    Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.