Créditos: NetEase/Reprodução

Justice recebe Mesh Shading e exibe 1,8 bilhão de triângulos na RTX 3060 Ti

GPU da Nvidia consegue rodar o MMO em 4K e 60 fps com o recurso ativo
Por Carlos Felipe Estrella 25/05/2021 16:58 | atualizado 25/05/2021 17:02 Comentários Reportar erro

O MMO chinês da NetEaseJustice, acaba de receber suporte para a tecnologia Mesh Shading, que promete ser o futuro dos gráficos em jogos mainstream. O recurso permite que sejam exibidos até 1,8 bilhões de triângulos juntos numa mesma cena.

Mesmo com esse nível de densidade, a promessa é de que a tecnologia tem um desempenho relativamente bom, rodando em 4K (3840 x 2160 pixels) e 60 quadros por segundo na placa de vídeo Nvidia GeForce RTX 3060 Ti. Mas vale lembrar que o recurso foi introduzido com a arquitetura Nvidia Turing, o que significa que ele funciona até com a GeForce RTX 2060.

O grande barato da tecnologia é que ele tem o potencial de melhorar o desempenho ao permitir que a geometria seja agrupada de maneira prévia. Isso faz com que os desenvolvedores possam renderizar cenas mais complexas sem ter que sacrificar a performance no processo.

Além do Mesh Shading, a NetEase já adicionou funcionalidades como iluminação global, reflexos e sombras RTX — além de ter suporte ao DLSS (Deep learning super sampling). Quem veio a público com mais informações sobre essas tecnologias foi Yuhen Zou, desenvolvedor da NetEase, em entrevista ao Nvidia Blog.

- Continua após a publicidade -

"Nosso primeiro pensamento era renderizar alguns modelos altamente detalhados que podem precisar de uma quantidade insana de triângulos. Rapidamente descobrimos que podemos combinar Mesh Shaders com níveis de detalhe gerados automaticamente para alcançar uma complexidade de renderização que é limitada quase que apenas pela resolução, ao invés de pelo número de polígonos".
- Yuhen Zou, desenvolvedor da NetEase

"Nosso primeiro pensamento era renderizar alguns modelos altamente detalhados que podem precisar de uma quantidade insana de triângulos. Rapidamente descobrimos que podemos combinar Mesh Shaders com níveis de detalhe gerados automaticamente para alcançar uma complexidade de renderização que é limitada quase que apenas pela resolução, ao invés de pelo número de polígonos".
- Yuhen Zou, desenvolvedor da NetEase

Hoje em dia, o recurso de Mesh Shading também é compatível com as placas de vídeo AMD Radeon RX 6000, que são baseadas na arquitetura RDNA 2, além dos consoles de próxima geração. A funcionalidade ainda é mencionada como um recurso-chave do DirectX 12 Ultimate, mas só agora é adicionada num game lançado de fato.

"Com tanto potencial para o Mesh Shader, nós concebemos que ele será o futuro dos jogos mainstream. O Mesh Shading pode ampliar a escalabilidade do estágio de geometria, e é muito fácil de integrar no runtime do motor gráfico".
- Yuhen Zou, desenvolvedor da NetEase

"Com tanto potencial para o Mesh Shader, nós concebemos que ele será o futuro dos jogos mainstream. O Mesh Shading pode ampliar a escalabilidade do estágio de geometria, e é muito fácil de integrar no runtime do motor gráfico".
- Yuhen Zou, desenvolvedor da NetEase

Via: WCCF Tech Fonte: Nvidia
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.