Créditos: AMD/Divulgação

Atualização dos processadores AMD Ryzen 5000 deve chegar logo com até 5GHz

Nova linha seguiria os passos da série Ryzen 3000-XT, lançada em julho de 2020

Os processadores AMD Ryzen 5000 deverão receber uma atualização em breve, com a nova série trazendo modelos com frequências de até 5 GHz. Essa nova linha seguiria os passos da série Ryzen 3000-XT, que chegou como um refresh para a 3ª geração de CPUs da empresa em julho de 2020.

A informação foi divulgada pelo usuário do Twitter Patrick Schur, que costuma encontrar informações sobre hardware com bastante antecedência em relação aos lançamentos. Como aponta o site Tom's Hardware, existe um precedente da AMD atualizar os seus processadores na metade de geração, o que dá mais credibilidade para esse rumor.

Mesmo assim, a própria publicação destaca a importância de se tratar esse tipo de rumor com cautela. A expectativa é de que as CPUs serão vendidas como parte da linha Ryzen 5000-XT, uma linguagem de marketing já utilizada antes pela companhia.

Schur encontrou dois processadores Ryzen ainda não anunciados, que seriam a versão B2 dos já lançados chips Vermeer. Até o momento, foram encontrados dois codinomes diferentes. O primeiro deles é "100-000000059-60_50/34_Y" e provavelmente se refere ao Ryzen 9 5950XT, enquanto o outro se chama "100-000000065-06_46/37_Y" e faria menção ao Ryzen 5 5600XT.

- Continua após a publicidade -

Ainda assim, espera-se que a AMD também deverá lançar um modelo Ryzen 7 5800XT, que se posicionará entre as duas CPUs mencionadas acima. É interessante notar que, na linha Ryzen 3000-XT, a fabricante pulou o modelo Ryzen 9 3950X — mas deverá incluir o processador topo de linha desta vez.


Fonte: Tom's Hardware/Reprodução

A maior parte dos componentes e das especificações deverão se manter em relação aos modelos Ryzen 5000 tradicionais. Isso significa que eles continuarão usando o processo de 7 nm da Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC) e os mesmos núcleos de microarquitetura Zen 3.

Usando o refresh da geração Ryzen 3000 como parâmetro, podemos esperar que tanto o cache L3 quanto o TDP dos processadores vão se manter intactos. Além disso, esses chips continuarão sendo compatíveis com o socket AM4, fazendo com que as placas-mãe atuais necessitem apenas de um update de firmware para suportá-los.

Via: Tom's Hardware, TechPowerUp
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.