Créditos: AMD

Compra da Xilinx pela AMD está sendo investigada pelo Governo Britânico

A CMA investiga se a transação pode prejudicar consumidores e empresas britânicas

AMD anunciou a aquisição da empresa Xilinx em outubro de 2020, por US$ 35 bilhões, com a promessa de reforçar o portfólio da companhia na competição contra Intel e Nvidia

Site oficial da Xilinx

Acionistas da AMD e Xilinx votaram e aprovaram as respectivas propostas, em abril de 2021, confiantes que a transação seria aprovada pelos órgãos reguladores até o final de 2021. Entretanto, o Governo Britânico não está interessado em deixar grandes empresas comprarem outras companhias, como é o caso da compra da ARM, feita pela NVIDIA. O mesmo Secretario de Estado do Digital, Cultura, Mídia e Esporte no Reino Unido, iniciou uma investigação, questionando a aquisição da Xilinx pela AMD.

A CMA (Competition and Markets Authority), órgão ministerial independente que regula a competição entre empresas, lançou inquérito convidando as partes interessadas a se manifestarem caso a união das empresas afete negativamente consumidores ou empresas britânicas. O prazo final da primeira fase da investigação é 6 de julho de 2021.

A CMA está considerando se essa transação, caso finalizada, resultaria em diminuição substancial da competição dentro de qualquer mercado ou mercados no Reino Unido para produtos e serviços

- Continua após a publicidade -

AMD compra fabricante de chips Xilinx por US$ 35 bilhões

AMD compra fabricante de chips Xilinx por US$ 35 bilhões
O negócio será fechado até o final de 2021 e promete reforçar o portfólio da companhia na competição contra Intel e Nvidia

Caso a compra seja finalizada, a AMD e Xilinx poderão capitalizar oportunidades múltiplos segmentos como: 5G, jogos, data centers, PCs, comunicação, automotivo, industrial, defesa e aeroespacial. A Xilinx é a principal fornecedora de dispositivos lógicos programáveis do mundo e com a compra, a AMD passa a oferecer produtos e soluções em CPUs, GPUs, FPGA e SoC (System on Chip).

É evidente que a aquisição da Xilinx é um passo importante para a AMD diversificar seu portfólio e aumentar a competitividade no mercado. Recentemente a AMD lançou a placa de vídeo RX 6700 XT. Um chip gráfico dimensionado para gameplay em alta qualidade e taxa de quadros em QuadHD. A Adrenaline testou dois modelos da placa de vídeo, o projeto referência da própria AMD e um modelo customizado da Gigabyte, que você confere abaixo.

Fonte: Toms Hardware
Tags
  • Redator: Luiz Schmidt

    Luiz Schmidt

    Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.