Créditos: leak.pt

Pesquisadores descobrem três novas falhas de segurança em processadores Intel e AMD

Vulnerabilidade conhecida como Spectre volta a preocupar
Por Guilherme Pinheiro 09/05/2021 23:47 | atualizado 10/05/2021 00:10 Comentários Reportar erro

Três novas brechas de segurança baseadas na vulnerabilidade Spectre foram descobertas por pesquisadores americanos em todos os processadores Intel e AMD com cache de micro-operações.

Os três novos tipos de possíveis ataques da variante Spectre são extremamente perigosos, pois permitem que hackers roubem informações digitais sigilosas de computadores ou servidores inteiros. A análise foi realizada por estudiosos da Universidade da Califórnia - San Diego e da Universidade da Virginia - ambas localizadas nos Estados Unidos.

Também afirmaram que as medidas para mitigar vulnerabilidades já conhecidas não são eficientes para lidar com essas novas brechas.

Antes de tratar publicamente sobre esta delicada questão, os acadêmicos informaram diretamente as duas empresas envolvidas. A Intel informou que as lacunas destacadas já tiveram o seu alcance mitigado por meio de medidas tomadas pela sua equipe interna.

Felizmente, não é fácil direcionar um ataque desse nível. É um processo muito difícil de conseguir ser replicado, pois envolveria superar todas as medidas de proteção existentes tanto a nível de software quanto a nível de hardware.

Sendo assim, não seria vantajoso um criminoso direcionar uma ação tão complexa visando interceptar dados poucos relevantes; apenas seria interessante em investidas contra grandes empresas.

- Continua após a publicidade -

O grande problema é que os recursos de um processador teriam que ser direcionados para executar essa ação. Ou seja, resumindo, uma máquina perderia desempenho ao tentar barrar uma invasão tão perigosa e sofisticada - sendo que os pesquisadores alertaram que para mitigar essas novas brechas, o impacto no desempenho seria ainda maior do que as atualizações de segurança lançadas até então.

É possível que tanto a AMD quanto a Intel apenas escolham combater diretamente essas ameaças caso hackers direcionem tentativas coordenadas, com o intuito de obter ilegalmente acesso aos computadores de grandes corporações utilizando essas três novas falhas.

Fonte: engadget.com
Assuntos
Tags
  • Redator: Guilherme Pinheiro

    Guilherme Pinheiro

    Formado em jornalismo pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Fã de videogames desde os 6 anos de idade, sendo o seu hobby preferido desde então. Passou por diversas gerações de consoles, do NES até o PlayStation 5.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.