Créditos: Nvidia

Novas RTX 3060 vão receber novamente o limitador para mineração em unidades LHR

Outros modelos da linha RTX 30 também devem receber o limitador a partir de maio

No último sábado (29) a Nvidia anunciou o novo driver GeForce 466.27 que implementa novamente o limitador para processos relacionados à mineração de criptomoedas para a RTX 3060 nas novas unidades a partir de maio. Um dia antes, fontes internas do VideoCardz também alegaram que a limitação devem chegar em novas unidades das outras placas da linha RTX 30, formando a variação Lite Hash Rate (LHR).

Há alguns meses, a Nvidia tomou a decisão de começar a limitar a performance que suas placas de vídeo voltadas para jogos conseguem entregar em processos de mineração, além de disponibilizar versões CMP específicas para mineradores. Mas pouco depois da implementação, a própria empresa retirou acidentalmente o limitador via software da RTX 3060 em uma versão de driver para desenvolvedores.

Notas do update de driver
Notas do update de driver (Imagem: Nvidia)

No entanto, a Nvidia anunciou recentemente a sua nova versão de driver GeForce 466.27 que, de acordo com as notas da atualização, reimplementa o limitador de hash rate para a GeForce RTX 3060 em versões distribuídas a partir de maio desse ano. Essas novas versões LHR (Lite Hash Rate) terão uma nova PCI Device ID (2504), que vai impedir que elas sejam compatíveis com versões de driver anteriores.


Nova PCI Device ID para a RTX 3060 (Imagem: VideoCardz)

Além disso, cabe ressaltar que na última sexta feira (28) o site VideoCardz revelou que algumas de suas fontes internas apontaram que a Nvidia atualizou algumas informações sobre as novas unidades das RTX 30. Quase todas as GPUs RTX 30 distribuídas a partir de maio devem contar com o limitador de mineração (sendo versões LHR) e suporte ao ResizableBAR sem a necessidade de atualizar a vBIOS da placa de vídeo. 

- Continua após a publicidade -

Cabe destacar que o termo Lite Hash Rate não é de uso comercial e funciona mais como uma diferenciação interna da fabricante. Dessa forma, as placas LHR serão disponibilizadas normalmente no mercado e substituirão as versões atuais nas prateleiras. Esse processo deve ser mais ou menos semelhante com a substituição do Ryzen 5 1600 AE pelo Ryzen 5 1600 AF pela AMD.

Ainda de acordo com o VideoCardz, uma de suas fontes afirma que a RTX 3090 pode ser a única que não vai receber um limitador para mineração, no entanto, o seu chip ainda deve receber a atualização do ResizableBAR. As novas versões LHR distribuidas a partir desse mes devem chegar de fato nas prateleiras ainda por volta de junho.

Via: VideoCardz, VideoCardz
  • Redator: Diego Amorim

    Diego Amorim

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.