Créditos: Square Enix

Remaster de Nier Replicant roda melhor no Xbox Series X do que no PS5

Vídeo comparativo mostra Xbox com melhor resolução e tempos de carregamento

Nier Replicant ver.1.22474487139..., ou apenas "o remaster de Nier Replicant" pra quem não quer decorar tantos números, foi lançado na última sexta-feira (dia 23), e já está passando por testes de performance, como seria de se esperar. O canal ElAnalistaDeBits colocou o jogo pra rodar num Xbox Series S, num Series X e no PS5, para comparar como cada console se sai, lado a lado.

A principal conclusão da análise é que o jogo roda melhor no Xbox Series X. A estabilidade do framerate - a 60fps - é a mesma nos três consoles, mas o console mais potente da Microsoft consegue manter o game com uma resolução melhor e tempos de carregamento menores. Mas temos outras informações importantes para se destacar.

Para começar, o teste foi feito no modo de compatibilidade do game. Ou seja, o remaster de Nier Replicant não conta ainda com uma versão dedicada para nova geração, e roda via retrocompatibilidade, com os consoles melhorando onde podem. Um patch futuro pode fazer o jogo rodar ainda melhor nos novos consoles, o que pode mudar ou não se o Series X fica na frente, mas deve melhorar a performance no geral.

O próprio canal ElAnalistaDeBits destaca uma lista de informações, que segue abaixo em tradução livre:

- Continua após a publicidade -

- Todas as versões rodam no modo de retrocompatibilidade. Isso significa que as configurações são limitadas Às versões da geração passada.
- O PS5 roda na resolução de 1080p. O Xbox Series S e o Xbox Series X rodam a 792p e 1440p respectivamente.
- O framerate permanece estável a 60 fps.
- O filtro anisotrópico é mais alto nas versões do Xbox.
- Os tempos de carregamento do  NieR Replicant ver.1.22474487139… são mais rápidos nas versões do Xbox.
- A distância de renderização é maior nas versões do Xbox.
- As sombras são superiores no PS5 e no Series X em comparação ao Series S.

A Square Enix ainda não falou oficialmente de patches para o remaster na nova geração, mas não seria surpresa se acabar aparecendo eventualmente.

Fonte: WCCFTech
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.