Créditos: MZinchenko/Shutterstock.com

Problemas na produção de chips da Realtek também podem afetar o mercado de PCs

Fabricantes de notebooks estão pressionando a empresa para atender a demanda
Por Diego Amorim 13/04/2021 10:18 | atualizado 13/04/2021 10:18 Comentários Reportar erro

A DigiTimes publicou uma matéria na última segunda-feira (12) afirmando que a Realtek também entrou na lista de fabricantes que passam por problemas na sua linha de produção de chips, não conseguindo atender a alta demanda atual. Os chips de áudio e LAN da fabricante estão presentes em diversos dispositivos como notebooks, automóveis e mais.

Assim como já foi noticiado com diversas outras fabricantes de silício, a principal causa desse problema é a alta demanda pelos componentes que equipam dispositivos eletrônicos hoje, acompanhado de alguns desafios na logística de produção causados pela pandemia do novo coronavírus.

A DigiTimes afirmou que a Realtek já estendeu o seu prazo de entrega dos componentes em 32 semanas, já que as fábricas estão operando com toda a sua capacidade e também enfrentam problemas de reposição da matéria prima para a produção dos chips.


Imagem: Reprodução: TechPowerUP

A Realtek está com dificuldades de atender sua demanda por chips de rede com e sem fio, como Ethernet e Bluetoth e, apesar de existirem outras fabricantes desses componentes, os chips da Realtek de audio e LAN ocupam 70% do mercado global atualmente. Esse cenário torna muito difícil a simples substituição dessa marca por outra equivalente.

- Continua após a publicidade -

Isso significa que esse é mais um dos fatores que pode contribuir com o aumento de preços de computadores pessoais, e várias fabricantes estão sofrendo do mesmo problema da Realtek no mundo inteiro. De acordo com a DigiTimes, só o problema de produção da Realtek já foi o suficiente para atrasar a fabricação de notebooks e automóveis, além de outros setores da indústria.

Além disso, algumas fabricantes de notebooks como a Dell e a HP teriam pressionado a Realtek para aumentar a sua capacidade de fabricação de chips para atender a demanda. No entanto, como já comentamos, todo mercado está passando por problemas de reposição da matéria prima para a fabricação desses componentes. 

Por enquanto, a indústria ainda vai ter que lidar com atrasos nas linhas de produção e, graças a crescente demanda, os consumidores provavelmente vão continuar lidando com a crescente inflação dos preços de PCs.

Via: TechPowerUp, Tom's Hardware Fonte: DigiTimes
Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Amorim

    Diego Amorim

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.