Créditos: Intel

Intel vai mostrar mais do Tiger Lake-H e Rocket Lake-S dia 18, na GDC

Ambos arquiteturas usarão GPU integrado Intel Xe
Por Luiz Schmidt 16/03/2021 13:10 | atualizado 17/03/2021 13:32 Comentários Reportar erro

A Intel deve fazer uma demonstração das capacidades da sua 11ª geração de processadores, Tiger Lake-H, voltado para notebooks e Rocket Lake-S , voltado para desktops, no dia 18 de março. As duas linhas de produtos terão uma apresentação durante o evento online da GDC (Game Developers Conference).

Site Oficial da Intel

Rocket Lake-S foi revelado em janeiro, durante o CES, e será compatível com o padrão PCle 4.0, funcionando nas atuais placas Z490 e também novos chipsets série 500. O processador promete 50% a mais de desempenho em processamento gráfico, graças a nova GPU integrada Intel Xe.

Processador de 11ª geração traz uma série de melhorias para tornar a linha competitiva no mercado (Crédito: Intel)

O Rocket Lake-S trará Intel Deep Learning Boost e suporte VNNI, recursos de overclocking, Intel Quick Sync Video com transcodificação de vídeo e aceleração de hardware para codecs recentes e melhoria de IPC (Instruções Por Ciclo) de até 19%.

- Continua após a publicidade -

Além de introduzir a nova tecnologia PCle 4.0, o Rocket Lake-S também amplia de 16 para 20 linhas através do CPU, flexibilizando as configurações de SSDs e placas de vídeo que podem ser adicionadas no sistema.

O Tiger Lake-H chegará ao mercado para competir com os processadores da AMD (Crédito: Intel)

Já a família de processadores de codinome Tiger Lake, receberá o modelo Tiger Lake-H para competir com os processadores da AMD série Ryzen 5000. O processador de 10 nanômetros terá 8 núcleos, frequência de até 5GHz em múltiplos núcleos, PCle 4.0 com 20 linhas e GPU Intel Xe.

O modelo Tiger Lake-H chega ao mercado para competir com os processadores da AMD série Ryzen 5000

Aqui no Adrenaline recentemente testamos o 11ª geração de processadores Tiger Lake em um notebook Dell Inspiron, para ver se encarava alguns games. Nesse caso, é um modelo da linha Tiger Lake para dispositivos ultrafinos e de uso cotidiano, diferente da linha Tiger Lake-H, focada em notebooks de alta performance, como modelos gamers.

- Continua após a publicidade -

O notebook testado por aqui não era específico para games, só que não há nada melhor para medir performance do que testar como o notebook se sai encarando alguns jogos. O notebook com o processador da 11ª geração encarou bem os jogos Counter Strike Global Offensive e Rocket League, porém o jogo Fortnite apresentou performance insuficiente.

Fonte: Techpowerup, Canal Tech
Tags
  • Redator: Luiz Schmidt

    Luiz Schmidt

    Estudante de jornalismo na UFSC. Amante de games, anime, manga e cultura japonesa. Gosta de escrever histórias de horror nas horas livres e sonha em publicar um livro.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.