Créditos: Reprodução/Alex Castro/The Verge

Fábrica da Samsung em Austin deve continuar operando com capacidade reduzida

Operações foram interrompidas por crise no Texas e devem ser normalizadas em algumas semanas
Por Odir Brüggmann Filho 12/03/2021 18:53 | atualizado 12/03/2021 18:55 Comentários Reportar erro

A fábrica da Samsung em Austin, Texas deve continuar operando com capacidade reduzida nas próximas semanas. A planta, que produz dispositivos 5G, de display e de lógica, também é fornecedora de outras marcas, inclusive Apple.

A interrupção da operação aconteceu durante o mês de fevereiro, quando intensas nevascas no estado do Texas e de Oklahoma deixaram milhões de pessoas sem energia elétrica.

Com um terço da produção correspondendo a componentes Qualcomm, a fábrica é de grande relevância para a fabricação de aparelhos 5G no mundo todo. Estima-se que a diminuição na produção leve a uma queda de 30% no próximo trimestre na fabricação de aparelhos dessa qualidade.

"É esperado que o tempo ampliado para fabricação da linha S2 continue tensionando o já exausto mercado de semicondutores considerando que há uma escassez de capacidade produtiva nesta indústria para várias aplicações, inclusive partes de automóveis, que continuam com uma demanda extremamente alta."

"É esperado que o tempo ampliado para fabricação da linha S2 continue tensionando o já exausto mercado de semicondutores considerando que há uma escassez de capacidade produtiva nesta indústria para várias aplicações, inclusive partes de automóveis, que continuam com uma demanda extremamente alta."

(TrendForce consultoria e inteligência de mercado)

(TrendForce consultoria e inteligência de mercado)

- Continua após a publicidade -

Essa queda, entretanto, pouco deve afetar o mercado total de smartphones. Com uma produção ainda imensamente maior de aparelhos 4G, os fabricantes devem aumentar o ritmo na fabricação deste tipo de dispositivo, garantindo que a queda do mercado não seja superior a 5%.

(Créditos: Reprodução/Marc Pezin/Unsplash)

Na contramão, a própria Samsung vem negociando com o governo do Texas e de outros estados a obtenção de créditos fiscais para instalação de uma fábrica. Com isso, a empresa passaria a ter 2 plantas relevantes em Austin.

"O pessoal de Austin solicitou que fornecêssemos mais informações, então nós simplesmente enviamos uma proposta atualizada. Algumas das expressões foram mudadas, mas não há grandes mudanças no nosso conteúdo."

"O pessoal de Austin solicitou que fornecêssemos mais informações, então nós simplesmente enviamos uma proposta atualizada. Algumas das expressões foram mudadas, mas não há grandes mudanças no nosso conteúdo."

- Continua após a publicidade -

(Oficial da Samsung)

(Oficial da Samsung)

Para aumentar seu poder de barganha, a companhia coreana argumenta estar negociando também com duas áreas diferentes no Arizona e com Nova York. Com um investimento total estimado em US$ 17 bilhões, as operações devem começar no quarto trimestre de 2023.

Fonte: Yonhap News Agency, wccftech
Tags
  • Redator: Odir Brüggmann Filho

    Odir Brüggmann Filho

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.