Créditos: YouTube/Captura de tela

YouTube testa sistema semelhante ao Twitch Clips para recortes de vídeos

Novidade já está disponível para alguns canais e permite compartilhar trechos de vídeos e lives com mais facilidade

O YouTube anunciou um sistema que permite recortar e compartilhar trechos de vídeos e transmissões ao vivo da plataforma. A funcionalidade é similar ao Twitch Clips, que está presente no site da Amazon de forma abrangente desde 2016.

A novidade ainda está em testes no YouTube e só pode ser utilizada em um grupo seleto de canais. Os vídeos que já suportam o sistema de recorte contam com um botão chamado "Clipe", que é simbolizado por uma tesoura e fica próximo da barra de curtidas.


(Imagem: YouTube/Reprodução)

A interface de clipes do YouTube conta com uma barra de seleção de tempo, que permite recortar entre 5 e 60 segundos de um vídeo. Após a seleção ser realizada, o usuário pode dar um título para identificar o trecho e utilizar links e códigos de incorporação para compartilhar o recorte.

O clipe criado pela ferramenta não é um vídeo novo e aparece na barra de reprodução da obra completa. A página de visualização também inclui um botão bem grande indicando que o recorte é apenas um trecho de uma produção maior.

Além da visualização por meio de links, os clipes também podem ser vistos em uma nova aba na interface do YouTube, que comporta todos os recortes feitos pelo usuário. A divisão está disponível na barra lateral do site na versão web e pode ser acessada no celular.

- Continua após a publicidade -

De acordo com o YouTube, os clipes com mais de 30 segundos podem ser preenchidos com anúncios eventualmente. O site também aponta que as produções serão removidas caso o vídeo que serve de fonte seja deletado ou privado.

Teste os clipes agora mesmo

Enquanto os clipes ainda estão limitados a apenas alguns canais, o YouTube lançou um vídeo de teste que permite experimentar a novidade. A produção disponível acima, ou por meio deste link, conta com o botão para a realização de clipes.

A empresa ainda não divulgou quando mais canais receberão a ferramenta. Logo, se nenhum dos seus criadores favoritos já recebeu a novidade, o vídeo oficial do YouTube é a melhor forma de experimentar a função atualmente.

Via: Mundo Conectado Fonte: Google
Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Com o GeForce Now e o xCloud surgindo como opções, qual seu plano a médio prazo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.