Créditos: Reprodução / TechPowerUp

Órgão regulador do Reino Unido planeja investigar aquisição da ARM pela NVIDIA

Este órgão pode bloquear esta aquisição caso seja constatada alguma irregularidade

Em 2020, a NVIDIA adquiriu a empresa britânica de chips ARM por US$ 40 bilhões. E esta aquisição chamou a atenção quanto às práticas de negócios e concorrência e quais seriam as possíveis consequências desta aquisição para a indústria.

A relevância desta aquisição foi tanta que a Autoridade de Concorrência e Mercados do Reino Unido (CMA - Competition and Markets Authority) anunciou que planeja investigar a aquisição da ARM pela NVIDIA. Lembrando que este órgão tem o poder de bloquear esta aquisição se descobrir que ela infringe as leis antitruste do Reino Unido.

Esta investigação da CMA está ocorrendo de forma gradativa, em um primeiro momento eles estão pedindo a opinião de terceiros sobre o negócio e suas consequências para a concorrência britânica e para a indústria de tecnologia em geral. Somente após isto que eles irão lançar oficialmente a sua investigação, que esta planejada para se iniciar no final de 2021.

O objetivo desta investigação é garantir que esta aquisição não resulte em produtos mais caros ou de qualidade inferior.

Atualmente, a ARM emprega cerca de 3 mil pessoas na Grã-Bretanha, porém o foco da investigação da CMA não está no impacto sobre o emprego, mas sim como está aquisição afetará os preços e a qualidade dos produtos, pois existe a possibilidade de, após a aquisição, a ARM se retirar do mercado, aumentar os preços ou reduzir a qualidade de seus serviços prestados para os concorrentes da NVIDIA.

- Continua após a publicidade -

Algumas pessoas envolvidas com esta área acreditam que esta aquisição será concluída com sucesso. Por outro lado, existem pessoas que esperam que esta compra seja bloqueada, entre estas pessoas está o cofundador da ARM, Hermann Hauser, que declarou para o The Guardian, em tradução livre para o português, o seguinte:

"A NVIDIA tem a oportunidade de se tornar um fornecedor quase monopolista de microprocessadores para o mundo [...] esta aquisição dará à NVIDIA uma posição dominante em todos os segmentos de processador e criará outro monopólio de tecnologia nos EUA."

Por fim, cabe destacar que mesmo se a CMA do Reino Unido aprovar esta aquisição, é necessário que outros países também a aprovem, como, por exemplo, a China, que, em 2018, bloqueou o processo de aquisição da NXP pela Qualcomm.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Fonte: TechPowerUp, Engadget
Tags
  • Redator: Amanda Favaro

    Amanda Favaro

    Apesar de gostar de jogar videogame desde sempre, a Amanda encontrou a sua verdadeira paixão em 2004, quando ganhou o seu tão almejado primeiro PC. De lá para cá se aprofundou cada vez mais sobre o assunto e hoje se considera uma entusiasta de hardware. Além disso, continua adorando jogar, a única diferença é que agora a sua plataforma principal é o PC.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.