Créditos: Divulgação/CD Projekt RED

Cyberpunk 2077 já vendeu 13 milhões de cópias mesmo com seus bugs e reembolsos

Vendas já superaram em 225% o número de unidades vendidas de The Witcher 3 no mesmo período de lançamento

Cyberpunk 2077 enfim chegou ao mercado, e junto com ele, uma enxurrada de polêmicas e problemas relacionados ao game. O mais recente título da CD Projekt RED, apesar dos diversos elogios, se tornou uma grande dor de cabeça para a desenvolvedora polonesa, visto os inúmeros bugs e seu desempenho deplorável principalmente visto no PlayStation 4 e Xbox One.

Apesar dessa série de problemas relatados por muitos jogadores e mídia, as vendas do game ainda estão correspondendo a imensa espera que os jogadores tinham sob o título. Em recente nota divulgada no site para os investidores, a CD Projekt RED anunciou que Cyberpunk 2077 já bateu a marca 13 milhões de cópias vendidas, feito esse conseguido em menos de duas semanas após seu lançamento.

Segundo a desenvolvedora, esses números são relativas às vendas realizadas em todas as plataformas da qual o game foi lançado, sendo incluso as cópias digitais e físicas, até o dia 20 de dezembro. Um detalhe importante sobre esse número não incluí as cópias das quais foram realizados os pedidos de reembolso por jogadores que ficaram insatisfeitos com o game.

Para efeito de comparação, The Witcher 3: Wild Hunt, último grande jogo da CD Projekt RED, vendeu 4 milhões de cópias em seu lançamento em 2015, e agora, Cyberpunk 2077 já conseguiu bater essa marca em 225% no mesmo período. Com esses 13 milhões de unidades vendidas, Cyberpunk 2077 já gerou aproximadamente mais de U$ 780 milhões em receita apenas nos seus primeiros 10 dias de disponibilidade no mercado, sendo que os custos de seu desenvolvimento já foram pagos antes mesmo de seu lançamento.

Algo que chama a atenção na nota publicada pela desenvolvedora diz que "o Conselho de Administração decidiu divulgar as informações na forma de um relatório atual devido ao seu potencial impacto nas decisões relacionadas ao investimento". Após a surpreendente decisão da Sony em retirar Cyberpunk 2077 da PlayStation Store, as ações da CD Projekt Red despencaram cerca de 22%, somados com a possível aparição de processos judiciais, poderia ser um sinal de que o investimento no estúdio seria um mau negócio. 

- Continua após a publicidade -

Resta saber se Cyberpunk 2077 pode manter esses números crescentes de vendas, visto que vários dos problemas relacionados ao game ainda não foram resolvidos e continuam a atormentar o lançamento desse novo título. A desenvolvedora já prometeu que irá lançar diversos patchs de correções até o mês de fevereiro para tentar resolver os diversos bugs e problemas de performance principalmente das edições para os consoles antigos.

O título está disponível atualmente para PC, Xbox One, Xbox Series X|S. Em relação às edições para PlayStation 4 e PlayStation 5, atualmente o game só pode ser adquirido através de uma cópia física.

Via: Engadget, Tweaktown Fonte: CD Projekt
  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

    Formado em Informática e tecnólogo em Jogos Digitais, amante de games (principalmente os de corrida), curte uns hardwares e assim como Pink e o Cérebro, buscando o plano para dominar o mundo.

Qual os planos para hardware esse ano?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.