Créditos: Reprodução/GameSpot

Homem perde cerca de US$ 500 mil em jogos após sua mãe ter jogado sua coleção no lixo

Coleção pertencia a loja J&L Games, localizada na cidade norte-americana de Nova Iorque

Imagina a seguinte situação: você, amante de games, gasta milhares de dólares para ter uma respeitável coleção de jogos e consoles antigos, para depois de anos de dedicação para juntar os diversos itens ver eles se perderem no lixo.

Essa foi a situação vivida por um funcionário da J&L Games, loja de games localizada na cidade norte-americana de Nova Iorque. Recentemente, esse desconhecido funcionário descobriu que sua coleção de jogos, avaliada por ele em cerca de US$ 500 mil e que estava guardada nos fundos da casa de sua mãe, foi totalmente descartada, conforme relatado por ele utilizando a conta oficial da loja no Twitter (obrigado, VG247).

Bem, eram mais de $500 mil em jogos. Deixei meu material antigo no armazenamento (a casa da minha mãe), e hoje descobri que ela jogou fora meus Ataris, Colecovision, Intellivision, Famicom, Super Famicom, TurboGrafx-16, PC Engine, NeoGeo AES, MegaDrive, Master System, basicamente todos os sistemas e jogos que eu nunca levo comigo.

Conforme relatado por ele, vários de seus sistemas e jogos clássicos que faziam parte de sua coleção foram simplesmente jogados no lixo por sua mãe. Consoles como o Famicom, Super Famicom, Atari, NeoGeo AES, além de mais de 500 jogos do PlayStation 1, sendo metade deles lacrados, se perderam e que, em tom de ironia, "queria matar alguém naquele momento".

Super Mario Bros. 3 é vendido por US$ 156.000 e é o novo jogo mais caro do mundo

- Continua após a publicidade -

Porém, não foi apenas jogos e consoles que foram perdidos na limpeza de "tralhas" feitas pela mãe do funcionário da J&L Games. Equipamentos de áudio, como dois amplificadores Marshall, 14 pedais de efeitos e uma bateria, além de cartas raras da coleção de Magic: The Gathering e vários quadrinhos antigos também foram descartados.

No fim, após a repercussão do caso, o funcionário se desculpou por se exaltar por conta da perda, e o relato acabou sendo apagado do Twitter. A grande lição aprendida nesta história é: caso você tenha uma coleção valiosa de jogos, guarde em um local seguro, e caso esse local seja a casa dos seus pais, avise sobre o importante valor emocional ($$$) que ela tem.

Via: VG247, GameRant
Tags
  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

    Formado em Informática e tecnólogo em Jogos Digitais, amante de games (principalmente os de corrida), curte uns hardwares e assim como Pink e o Cérebro, buscando o plano para dominar o mundo.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.