Créditos: Reprodução/Raspberry Pi

Raspberry Pi lança Case Fan para manter Pi 4 em temperatura de 70 ºC

Case oficial para refrigeração do pequeno computador custa US$ 5
Por Mariela Cancelier 30/11/2020 13:08 | atualizado 30/11/2020 13:08 Comentários Reportar erro

A Raspberry Pi anunciou hoje seu mais novo acessório chamado Pi 4 Case Fan que irá auxiliar no resfriamento do pequeno computador. O case oficial para o módulo custa apenas US$ 5 e já está disponível para compra no site do produto. O design do fan foi pensado para ser encaixado dentro do compartimento junto à placa do Pi 4, resultando num estojo bem pequeno.


O pequeno fan recebe energia diretamente do pino de 5V GPIO, e o controle da velocidade de ventilação é feito por meio da ferramenta Raspberry Pi Configuration, que deve estar atualizada para realizar essa customização. A ferramenta pode ser usada para definir a temperatura na qual a ventoinha será ligada; o padrão é 80 °C, já que a 85 ºC a CPU pode começar a engasgar, segundo o Tom's Hardware.

Em uma postagem no blog da Raspberry, Eben Upton, CEO da Raspberry Pi Trading, explicou como a CPU Raspberry Pi ARM funciona. Segundo o executivo, a empresa focou no trabalho de otimização de energia para o Pi 4 nos últimos dezoito meses, e eliminou em grande parte o "engasgamento" de uma placa não revestida operando na frequência de clock padrão de 1,5 GHz e em uma temperatura ambiente típica.

"Como todos os produtos eletrônicos, o Raspberry Pi gera calor residual à medida que funciona. Junto com a maioria dos produtos sem ventoinha - como a maioria dos telefones celulares - o Raspberry Pi 4 foi originalmente projetado para operar em um m'odo de sprint-and-recover': se executado com desempenho máximo em um longo período de tempo, ele irá desacelerar e voltar ao desempenho de sua temperatura limite."
- CEO da Raspberry Pi Trading

- Continua após a publicidade -

Além das conquistas com o clock padrão, o CEO também demonstrou que o Pi 4 atinge uma temperatura de 70 °C durante uma compilação quad-core do kernel Linux quando em overclock de 1.8GHz, mantendo o mesmo tempo de execução de tarefa sem que o computador perca desempenho por conta da tática sprint-and-recover.

Fonte: Tom's Hardware, Raspberru Pi
Tags
  • Redator: Mariela Cancelier

    Mariela Cancelier

    Mariela é jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina e gosta de jogos de luta e MOBAs. Foi estagiária do Adrenaline e Mundo Conectado e atualmente é redatora freelancer em ambos os sites.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.