Créditos: Wccftech

Intel é a maior vendedora de semicondutores, mas NVIDIA, AMD e TSMC estão crescendo rapidamente

É o que mostra uma análise de pesquisa de mercado realizada pela IC Insights

A IC Insights, empresa dedicada a fornecer análises de pesquisa de mercado, divulgou uma tabela com os números de venda das empresas líderes do ramo de semicondutores. Se você analisar somente os números atuais desta tabela, a Intel ainda é a empresa líder de vendas de silício, mas se for analisada a evolução de 2019 para 2020, o crescimento da NVIDIA, AMD e TSMC são substanciais.

Ranking de Empresas de Semicondutores
Créditos: IC Insights

A Intel vendeu US$ 73,9 bilhões em chips durante todo o ano de 2020, ou seja, 4% a mais do que o valor vendido em 2019. Por outro lado, a TSMC vendeu US$ 45,4 bilhões, no entanto, se compararmos com 2019, houve um aumento de 31% nas vendas.

A NVIDIA, por sua vez, é a que tem crescido mais rapidamente, pois vendeu US$ 15,9 bilhões em 2020, isso representa um aumento de 50% nas vendas em comparação com o ano anterior. E a AMD vem logo na sequência, pois a empresa liderada pela Lisa Su vendeu US$ 9,5 bilhões em 2020, isto quer dizer que ocorreu um crescimento de 41% de um ano para o outro.

Enquanto estas empresas cresceram as suas vendas no ano de 2020, a Micron, empresa responsável por fazer chips de memória, teve uma queda de 3% em comparação com 2019, pois vendeu "apenas" US$ 21,6 bilhões.

- Continua após a publicidade -

Outras duas empresas que vale a pena destacar, são a Qualcomm e a MediaTek, ambas tiveram um crescimento de 35% em relação ao ano anterior, mostrando, assim, que o segmento de chips para smartphones está em forte ascensão.

Por fim, ao fazer uma análise geral do mercado de semicondutores, o crescimento em 2020 foi de 13%, é o dobro do que era inicialmente esperado pela IC Insights. Afinal, em 2019, o faturamento com chips destas empresas havia caído 15% em comparação com 2018.

Fonte: Guru3D
  • Redator: Amanda Favaro

    Amanda Favaro

    Apesar de gostar de jogar videogame desde sempre, a Amanda encontrou a sua verdadeira paixão em 2004, quando ganhou o seu tão almejado primeiro PC. De lá para cá se aprofundou cada vez mais sobre o assunto e hoje se considera uma entusiasta de hardware. Além disso, continua adorando jogar, a única diferença é que agora a sua plataforma principal é o PC.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.