Créditos: Microsoft

Microsoft Flight Simulator 2020 ganha update que melhora visual dos Estados Unidos

A segunda "atualização de mundo" traz gráficos mais realistas para o simulador

O simulador de voo Microsoft Flight Simulator ganhou mais uma grande atualização recentemente. A Asobo Studio liberou o World Update II: USA, que traz gráficos mais realistas para a recriação digital dos Estados Unidos.

Segundo explica uma publicação no Xbox Wire, a atualização traz um modelo de elevação aprimorado para a região dos Estados Unidos, com resoluções de até um metro. O update também inclui novas texturas aéreas, garantindo melhorias visuais em diversos locais do país.

A nova atualização também inclui quatro novos aeroportos feitos à mão nos Estados Unidos: Atlanta, Dallas / Fort Worth, Friday Harbor e New York Stewart. A Asobo Studio também aprimorou 48 outros aeroportos e melhorou o visual de 50 pontos de interesse no país, incluindo lugares que podem ser vistos no trailer acima.

Além dos aprimoramentos visuais, Fligth Simulator 2020 também recebeu novas atividades. Agora, os jogadores podem realizar voos de descoberta por certos locais dos Estados Unidos, incluindo a costa leste e as florestas do Alasca.

- Continua após a publicidade -

A atualização de mundo de Microsoft Flight Simulator é gratuita e já pode ser baixada no PC por meio da Microsoft Store do Windows 10 ou Steam. O primeiro update gráfico da série foi revelado durante a Tóquio Game Show e trouxe visuais mais realistas para o Japão.

Microsoft Flight Simulator é um jogo de simulação de voo e está disponível para compra no PC, além de fazer parte do catálogo do Xbox Game Pass. O título foi baixado mais de um milhão de vezes por meio da assinatura. 

O projeto da Microsoft chama a atenção pelos seus gráficos realistas, além do uso de dados para recriar o mundo. Em agosto, o jogo de simulação foi utilizado por entusiastas para sobrevoar o Furacão Laura, que acabou sendo recriado naturalmente no simulador.

Além de ser bonito, Microsoft Flight Simulator 2020 também é um jogo exigente na parte de hardware. Segundo estimativas de especialistas, o simulador deve movimentar cerca de R$ 14 bilhões na venda de componentes para computadores, o que não se limita apenas em placas de vídeo e CPU, mas também dispositivos para a montagem de cockpits elaborados.

Via: Xbox Wire
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.